Cinco lendas recontadas por outros ângulos

Além das lendas. Capa. Reprodução
Em “Além das lendas” o historiador e roteirista Iramir Araújo se alia a Amanda Belo, Beto Nicácio, Marcos Caldas, Rom Freire e Ronilson Freire, cada um desenhando uma das histórias do álbum, recontando uma lenda. Em vez do “era uma vez” a que estamos tão acostumados, há uma mudança na angulação pela qual as histórias são contadas. Em “Quando a...

O trem musical não pode parar

Lui Coimbra, Ceumar e Paulo Freire: o trio Viola Perfumosa. Foto: Leo Aversa. Divulgação
“Ê, trem bão!”. A expressão mineira, hoje apropriada pelo Brasil inteiro, parece dar conta da qualidade de qualquer coisa, soa como elogio. Minas Gerais, terra do “Trem de doido” e do “Trem azul”, para citar dois clássicos do Clube da Esquina, o disco e o movimento, tem, em Poços de Caldas, o palco do projeto Composição Ferroviária, que acontece...

A língua cúmplice

Cumplicidades. Capa do single. Reprodução
Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e Portugal, além de terem em comum a língua portuguesa, são países de enormes diversidades musicais e berços de músicos que esbanjam talento. Mas o que ouvimos de lá e o que eles ouvem daqui? O projeto “Língua Terra: reinventando mundos” surgiu em São Paulo, em 2017, num encontro experimental, que tem como objetivo...

A grandeza de Gero Camilo

Elixir de cauim. Frame. Reprodução
Em determinada altura de seu show online “Elixir de cauim”, Gero Camilo, ao saudar os músicos que o acompanham, comenta os tantos anos de estrada com os parceiros, “em que a gente vem fazendo e eu me tornei músico profissional”. Ladeiam-no Rovilson Pascoal (direção musical, arranjos, violão, cavaquinho e guitarra) e Ricardo Prado (arranjos, contrabaixo, violão, piano, teclado...

“Chega de saudade”

A cantora e compositora Tulipa Ruiz. Foto: Elsa Bouillot. Foto: divulgação
A cantora e compositora Tulipa Ruiz é um dos nomes do line up do Sampa Jazz Fest, cuja sexta edição acontece nesta sexta-feira (30), Dia Internacional do Jazz, às 19h, em modo online, com transmissões de shows pré-gravados no canal do festival no youtube. Tulipa estará acompanhada do pianista acriano João Donato, com quem lançou, em 2019, o ep “Tulipa...

“O jazz pode ser tudo”

Sampa Jazz Fest. Cartaz. Reprodução
À pergunta “o que é jazz?”, o cantor e trompetista Louis Armstrong respondeu: “se você tem que perguntar o que é jazz, você nunca saberá”; e o pianista Thelonious Monk: “Eu não tenho uma definição de jazz. Você certamente entenderá quando ouvir”, em tradução livre. João Gilberto, um dos fundadores da bossa nova, afirmava que “tudo é samba”, ao referir-se...

Tinha um burro no meio do caminho

Minhas férias com Patrick. Foto: Julien Panié/ Divulgação
O livro “The strange case of Dr. Jekyll and Mr. Hyde” (“O médico e o monstro”), de Robert Louis Stevenson, é uma das obras mais relidas, sobretudo no universo dos desenhos animados: quem não se lembra de episódios do Pica-Pau ou Scooby-Doo, entre muitos outros, com o personagem de múltiplas personalidades? A obra foi publicada em 1886, mas 10 anos...

Djane Fonda, a persona eletrônica saudosista de Bárbara Eugênia

Hold me now. Capa. Reprodução
Cantora lança à meia-noite o primeiro de uma série de singles interpretados pela personagem. As melhores ideias parecem mesmo surgir de acasos. Assim foi com a mais nova estrela da música eletrônica saudosista, Djane Fonda, alter-ego da cantora e compositora Bárbara Eugênia. O single de estreia, “Hold me now”, e um lyric vídeo serão disponibilizados à meia-noite, nas plataformas...

A vocação do cantador

A Banda de Pau e Corda. Foto: Diego Araújo/ Divulgação
“Missão do cantador”, primeiro disco de inéditas em 30 anos, marca retorno da Banda de Pau e Corda ao mercado fonográfico e faz jus à sua trajetória Faixa que dá título ao novo disco da Banda de Pau e Corda, “Missão do cantador” (Sérgio Andrade) evoca “Nos bailes da vida”, de Milton Nascimento (e Fernando Brant) – a música também...

A delicadeza poética e a potência política de PC Silva

O cantor e compositor PC Silva. Foto: Rafael Moura/ Divulgação
Não é de hoje que as aberrações perpetradas cotidianamente pelo governo de Jair Bolsonaro (sem partido) têm inspirado reações de artistas, as mais diversas. Natural de Serra Talhada/PE, PC Silva lançou em agosto passado o elogiado “Amor, saudade e tempo”, seu disco de estreia, com participações especiais de Ceumar e Mônica Salmaso – dele, Ney Matogrosso gravará “Estranha toada”...