Obras de Aleijadinho são restauradas ao vivo

Sant’Ana Mestra, pertencente à Capela de Sant’Ana_Aleijadinho, arte revelada_ o legado de um restauro na Casa Fiat de Cultura_crédito Studio Cerri
Como em um reality show, restauradores atuam diante do público, exibindo suas habilidades que, no caso, são preciosas. É que por  meio de suas mãos se dará, até dezembro deste ano, a recuperação de três obras do mestre Aleijadinho. Tudo ao vivo. Trabalho que costuma ocorrer nos bastidores, longe dos olhares curiosos, a restauração agora virou atração na Casa...

Peça de Ariano Suassuna traz diversão e leveza

As Conchambranças De Quaderna -, peça de Ariano Suassuna
O espetáculo de menos de uma hora As Conchambranças de Quaderna é uma brincadeira teatral, e tudo bem de não precisar ser levada a sério. Um pouco de leveza nessa retomada de apresentações presenciais faz bem. Pois é isso o que entregam o texto do escritor pernambucano Ariano Suassuna e também a primeira montagem da obra na capital paulista...

Caetano Veloso: nervoso, teimoso, manhoso

Caetano Veloso
É triste que o lançamento de Meu Coco, de Caetano Veloso, coincida no calendário com a morte prematura do maestro Letieres Leite, no último dia 27, aos 61 anos. Primeiro trabalho autoral do compositor e cantor baiano em nove anos, Meu Coco reata a experiência de fusão entre orquestra e percussão afro testada em Livro, de 1997, no que parecia uma apropriação do fenômeno...

“Nu com a Minha Música”, de Ney, traduz o pasmo de 2021

Ney Matogrosso
A introspeção é o norte do novo álbum de Ney Matogrosso, batizado de Nu com a Minha Música em sincronia com a canção homônima de Caetano Veloso, que a gravou em 1981. Definido em ritmo de pandemia e isolamento, o título cai como luva para expressar o tempo e o humor que orienta o cantor sul-matogrossense de 80 anos. Na origem, "Nu com...

Ana Cañas recolhe o grito para cantar Belchior

Ana Cañas fazia fama como cantora da noite paulistana se apresentando no bar Baretto quando foi percebida pela multinacional Sony Music, em 2007. Mesmo assim, conseguiu impor à gravadora um disco de estreia quase todo autoral, chamado Amor e Caos. Seguiu daí em diante compondo a maioria das canções que interpreta, que lhe renderam mais cinco álbuns de estúdio, com ponto...

“O Arquiteto e o Imperador da Assíria”

Cena de 'O Arquiteto e o Imperador da Assíria'
O teatro de Fernando Arrabal é ambíguo, dicotômico, caótico. E perturbador. Seus personagens oscilam entre o bom e o cruel; o inocente e o culpado; a vítima e o algoz; o humano e o desumano. O tempo é o passado, que se estende pelo presente e não há vestígios de que não se arrastará pelo futuro. Seu espaço é...

A 45ª Mostra e o deserto do cinema brasileiro

A personagem Sara em "Deserto Particular", de Aly Muritiba
Selecionado no último dia 15 pela Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais para representar o Brasil na disputa por uma indicação ao Oscar 2022, o filme Deserto Particular, de Aly Muritiba, fará suas primeiras aparições públicas em São Paulo nos próximos dias 23, 24 e 30. O filme está na programação da 45ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo,...

A faca de três gumes de Ademir Assunção

O poema que tira para dançar as autodefinições do seu próprio poeta é um clássico da literatura. Partindo do celebríssimo Poema de Sete Faces de Drummond ("quando nasci, um anjo torto/ desses que vivem na sombra/ disse: Vai, Carlos! Ser gauche na vida"), podemos encontrar inúmeros outros de igual ressonância. Vejamos alguns: O poema 1910 (Intermezzo), do espanhol Federico García...

Uma pintora chamada Clarice

"Pintei um quadro que uma amiga me aconselhou a não olhar porque me faria mal", contou a escritora Clarice Lispector (1920-1977). "Concordei. Porque neste quadro que se chama Medo eu conseguira por para fora de mim, quem sabe se magicamente, todo o medo e pânico de um ser no mundo". Datado de 16 de maio de 1975, Medo é uma das 18...

A cultura para os pequenos

Cena do curta-metragem "A primeira perda da minha vida" - Divulgação Grupo Galpão
Foram mais de dez anos para que o roteiro de A Primeira Perda da Minha Vida, curta-metragem teatral do Grupo Galpão, viesse a público. O texto foi escrito por Eduardo Moreira quando Bárbara Luz, sua filha com a atriz e diretora Inês Peixoto, tinha cerca de 6 anos. Hoje, ela está com 19 anos e aceitou o desafio de...