terça-feira, agosto 16, 2022

Bolsonaro nomeia ultraconservador católico para presidir Biblioteca Nacional

Bolsonaro nomeou na manhã desta terça-feira o católico ultraconservador Luiz Carlos Ramiro Júnior como novo presidente da Fundação Biblioteca Nacional. Cientista social pela UFRJ e advogado, Ramiro Júnior já era coordenador geral do Centro de Pesquisa e Editoração da Biblioteca Nacional, e chegou à instituição pelas mãos do ex-secretário Especial de Cultura, Roberto Alvim (demitido por emular o ideólogo...

Organizações Sociais contestam reportagem do FAROFAFÁ

A propósito da reportagem "Tribunal de Contas investiga maior contrato cultural do governo paulista", publicada aqui no FAROFAFÁ no último dia 3 de maio, a organização social Associação Paulista dos Amigos da Arte (Apaa) enviou uma nota com uma série de apontamentos que buscam afirmar sua versão dos fatos. Por respeito ao princípio jornalístico de ouvir sempre todos os...

Bolsonaro leva Mario Frias e todos seus sub da cultura para a Rússia

O governo federal vai levar todo o seu primeiro escalão da cultura para a viagem que o presidente Jair Bolsonaro fará pela Rússia (Moscou), Hungria (Budapeste) e Polônia (Varsóvia e Cracóvia) entre os dias 13 e 23 deste mês. Estão na comitiva o secretário Especial de Cultura, Mario Frias, e os seus subsecretários André Porciuncula (Fomento e Incentivo à...

Gusttavo Lima segue rotina de shows milionários; novo projeto de lei tenta impedir

Dessa vez foi no Pará. No último dia 17, o cantor Gusttavo Lima recebeu um cachê de 600 mil reais do prefeito de Conceição de Araguaia, o pecuarista Jair Martins (MDB), para fazer um único show no Fest Verão 2022 da cidade, na Praia das Gaivotas. Xand Avião recebeu 300 mil reais para show no mesmo evento. As contratações...

Segunda pior gestão pública de 2021, Ancine volta a buscar nova sede

Nas últimas semanas, diversas agências reguladoras têm divulgado o resultado do Índice Integrado de Governança e Gestão Pública 2021 (IGG21), um indicador que o Tribunal de Contas da União (TCU) divulgou em outubro avaliando a governança, gestão e transparência de todos os órgãos federais. Mas uma das agências reguladoras, a Agência Nacional de Cinema (Ancine), estranhamente não divulgou a informação...

Justiça suspende contrato de R$ 30 milhões sem licitação do governo paulista

Sergio Sá Leitão
O Tribunal de Justiça de São Paulo concedeu nesta terça-feira, 12 de abril, uma liminar que suspende a execução de um contrato de gestão de 30 milhões de reais do governo paulista para a expansão do Museu da Diversidade Sexual. O motivo é uma irregularidade detectada na gestão da instituição, que seria de responsabilidade do Instituto Odeon até 2026. A...

Tribunal de Contas investiga maior contrato cultural do governo paulista

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) abriu um processo para investigar a Secretaria de Cultura e Economia Criativa de São Paulo por irregularidades em um contrato de gestão de R$ 206 milhões com uma Organização Social pelos próximos 5 anos. É o segundo questionamento desses contratos em um mês: recentemente, a Justiça suspendeu um contrato...

Doria fecha contratos de 664 milhões na cultura

Foto de Joca Duarte
A pouco mais de dois meses do ano eleitoral, o governo João Doria fechará quase 700 milhões de reais em contratos na área cultural com quatro Organizações Sociais (OS) para os próximos 5 anos. Os contratos serão fechados em tempo recorde - em pouco mais de um mês, foram divulgados no Diário Oficial do Estado (DOE) e no site...

Congresso já estuda abrir a CPI do Sertanejo, o escândalo da hora

No próximo domingo, 5 de junho, cada um dos 15 mil habitantes da pequena cidade de Teolândia, na Bahia (a 271 km de Salvador), querendo ou não, vai pagar 50 reais por um show do artista sertanejo Gusttavo Lima. O pagamento acertado entre a empresa de Lima, a Balada Eventos e Produções, e a prefeita Maria Baitinga de Santana,...

Bolsonaro comemora programa cultural que ainda não existe

O único programa da Secretaria Especial de Cultura de Mário Frias, após quase dois anos de gestão, é ainda um balão de ensaio. O projeto Nossa História, anunciado essa semana com estardalhaço por André Porciuncula (secretário de Fomento e Incentivo à Cultura do governo) no Twitter, como um fato consumado, e em seguida comemorado efusivamente por Jair Bolsonaro também...