Dos Prazeres, peça baseada em conto de Gabriel García Márquez

Maristela Chelala interpreta Dos Prazeres, peça baseada em conto de Gabriel García Márquez
Na peça Dos Prazeres, a atriz Maristela Chelala interpreta imigrante brasileira que tem uma nova chance Maria dos Prazeres está morta, mesmo estando viva. Pois é assim que essa brasileira se sente, aos 76 anos. Manauara que migrou há décadas para Barcelona, na Espanha, a protagonista não só tem poucos prazeres, como ainda sonhou com algo que julga premonitório: ela...

A diáspora africana em ‘Embarque Imediato’

A diáspora africana na peça "Embarque Imediato''
Na montagem Embarque Imediato, em cartaz no Teatro Poeira, no Rio de Janeiro, Antonio e Rocco Pitanga revelam as consequências da migração forçada A peça Embarque Imediato traz ao palco do Teatro Anchieta, no Sesc Consolação, o belo encontro artístico entre Antonio e Rocco Pitanga. Ter pai e filho dividindo afetuosamente a encenação favorece a abordagem sobre um tema duro...

Abrazo contra a censura

O Clowns de Shakespeare vai apresentar, neste sábado 14 de setembro, Abrazo, a peça que foi cancelada pela Caixa Cultural Recife de forma unilateral e abrupta no último dia 7 de setembro como mais um exemplo do crescente cerco à cultura no País. O espetáculo acontecerá no Teatro Apolo, mas a concentração começa às 15 horas, na Praça do...

Clarice Lispector em cena com Minhas Queridas

Clarice Lispector
No ano do centenário de nascimento de Clarice Lispector, a unidade Pinheiros apresenta a primeira das homenagens do Sesc São Paulo à escritora com a peça Minhas Queridas. Com direção e dramaturgia de Stella Tobar, as atrizes Marilene Grama e Simone Evaristo evocam cartas trocadas entre Clarice e as irmãs mais velhas Elisa e Tânia, entre os anos 1940...

OFICINA NA GALERIA

            No sábado, 7 de setembro, às 13h, o Teatro Oficina faz uma segunda apresentação de trecho da peça O Bailado do Deus Morto, de Flávio de Carvalho, na Galeria Almeida e Dale, no Jardim Paulista. A exibição, gratuita, faz parte do programa da exposição Flávio de Carvalho: o antropófago ideal, em cartaz até 19 de outubro, que reúne registros das célebres performances do artista...

“Descontrole Público”, a gamificação do teatro

Cena da peça "Descontrole Público"
A peça Descontrole Público, do diretor Pedro Granato, propõe algo mais do que um teatro interativo. Na trama, atores divididos em seis salas são comandados por voz pelos espectadores, ao vivo, de forma improvisada e sem regra alguma, a não ser a de não fazer mal a ninguém. O resultado é a gamificação do teatro (estratégias emprestadas aos games),...

O Cortiço visto pela perspectiva da Bertoleza

Foto do espetáculo Bertoleza
O musical Bertoleza, da Gargarejo Cia Teatral, é um sopro de sofisticação e inteligência em um território marcado por grandes oscilações de qualidade cênica. Muitos musicais, no Brasil, são uma espécie de franchising de montagens bem-sucedidas no exterior, sobretudo na Broadway, ou simplesmente parecem não saber o que dizer no palco. Bertoleza consegue fugir desses dois extremos. Com adaptação, direção...

A cena teatral italiana

Para os que têm curiosidade de conhecer as artes cênicas contemporâneas da Itália, o Sesc Pompeia promove o Scena - Semana da Cena Italiana Contemporânea em São Paulo. Com três espetáculos, a unidade apresenta obras representativas da "scena" italiana, com espetáculos que fundem teatro, dança, circo e literatura. Em uma montagem que recorre à linguagem circense, Alessandro Sciarroni apresenta Untitled...

Peça na Vila Itororó cutuca a ferida da ditadura

Atrizes da peça "As Mulheres dos cabelos prateados" - Foto: Letícia Godoy
Uma peça de 2021, As mulheres dos cabelos prateados, remete a um Brasil de mais de 50 anos atrás que até hoje permanece invisível. Com texto de Ave Terrena, a montagem em cartaz no Centro Cultural Vila Itororó, em São Paulo, é uma história que precisava ser contada a partir dos olhares e das falas de mulheres simples perseguidas...

O melhor do teatro em 2019

Cena de Barrela - O Melhor do Teatro em 2019
A classe teatral está atônita diante da ascensão e transmutação de um dos seus, Roberto Alvim, atual secretário Nacional de Cultura. Alguém que para ganhar manchetes é capaz de xingar Fernanda Montenegro mereceria o pior dos castigos para um profissional da dramaturgia: o silêncio. Mas o que houve, de real e vivo, foi um silêncio ruidoso, perceptível para quem...