quarta-feira, maio 18, 2022

Ecoa a voz de Môa

Os mestres Môa e Gafanhoto. Foto: Isabella Rudge. Reprodução
Môa do Katendê (29/10/1954-8/10/2018) foi uma das primeiras vítimas do bolsonarismo, tal como conhecemos hoje esta corrente política do culto à morte: o capoeirista foi covarde e brutalmente assassinado com 12 facadas pelas costas após uma discussão em um bar entre o primeiro – que havia sido realizado no dia anterior – e o segundo turnos da eleição presidencial...

Quem tem medo de Carlos Marighella?

Marighella. Frame. Reprodução
Após dois anos enfrentando a censura do governo neofascista do presidente de extrema-direita Jair Bolsonaro, o ator Wagner Moura, estreando como diretor, finalmente conseguiu lançar, semana passada, seu aguardado “Marighella”, baseado na biografia “Marighella – o guerrilheiro que incendiou o mundo” (Companhia das Letras, 2012), do jornalista Mário Magalhães. Após ser visto no mundo inteiro e algumas pré-estreias no...

A reinvenção da vida e da morte

O poeta Celso Borges. Divulgação
“Chico Maranhão não toma mais banho/ na praia da Ponta d’Areia./ Da última vez pegou uma coceira nas pernas/ que virou ferida./ Nunca cicatrizou”, escreve o poeta Celso Borges no poema de número 36 de seu livro mais recente, “Pequenos poemas viúvos”, lançado ano passado de forma online. Outro ludovicense ilustre homenageado pelo poeta nas páginas do “livro azul” é...

O último gol de placa de Sérgio Sant’Anna

O escritor Sérgio Sant'Anna. Retrato: Chico Cerchiaro
Sérgio Sant’Anna completaria 80 anos no próximo 30 de outubro e dedicou mais de 50 anos de sua vida à literatura, sendo reconhecido como um dos maiores ficcionistas brasileiros em qualquer tempo. Embora mais reconhecido como contista, também escreveu romances, novelas, peças de teatro e ensaios, tendo tido sua obra também adaptada ao cinema. É caso raro de autor que...

Coleção de tragédias com final feliz

Yuriko Yoshitaka e Ryûsei Yokohama em cena de "Seus olhos dizem". Frame. Reprodução
Que me perdoem os caros leitores este título com pinta de spoiler. Mas é exatamente isso. Seus Olhos Dizem, de Takahiro Miki, é filme que emociona: impossível não se envolver com seu casal de protagonistas, unidos por desencontros, infortúnios, acasos, idas e vindas, bem urdidos no roteiro primoroso de Yûichi Toyone. Akari (Yuriko Yoshitaka) é uma mulher jovem e bonita,...

O jazz atemporal da Bahia

O quarteto de Marcelo Galter. Foto: Julio Constantini/ Divulgação
Os dedos de Marcelo Galter já emprestaram seus talentos a muita gente boa: do Letieres Leite Quinteto, que integra, a Maria Bethânia, com quem tocou no espetáculo “Claros breus”, passando por Carlinhos Brown, Hermeto Pascoal, Margareth Menezes, Omara Portuondo, Stanley Clarke e Tiganá Santana, entre outros. O pianista acaba de disponibilizar nas plataformas de streaming o álbum duplo “Bacia do...

O balanço de Jards Macalé e João Donato

Foto: Joao Atala. Divulgação
Ao ver uma foto de divulgação de Jards Macalé e João Donato, acompanhados de dois cachorros, me veio à imaginação, galhofeira, a ideia: e se estes cães se chamassem Macãolé e Dognato? Brincadeiras à parte, a foto é parte do anúncio de “Síntese do lance”, disco que eles lançam em duo no próximo dia 15; a faixa-título foi o primeiro...

Para ler sem pause e rebobinar ao fim

O poeta Marcelo Montenegro. Retrato: Marcus Steinmeyer. Companhia das Letras. Reprodução
Há uma expressão particular que uso para dizer que um texto é muito bom: é digno de pendurar na porta da geladeira. Talvez soe defasado hoje, já que as pessoas hoje em dia não mais vão à geladeira, necessariamente, para beber água. Mas a expressão vem daí, para elogiar aqueles textos que você acha tão bons que pensa que...

Paulo Tó lança videoclipe de “O mundo por um fio”

O cantor e compositor paulista Paulo Tó em cena de O mundo por um fio. Frame. Reprodução
Paulo Tó lançou um dos discos mais bonitos da temporada pandêmica em que estamos confinados desde o longínquo março de 2020: ninguém apostava que o pesadelo fosse se prorrogar – ser prorrogado, melhor dizendo – por tanto tempo. Ele conversou com o Balaio Cultural, na Rádio Timbira AM, no último dia 18 de setembro. “O mundo por um fio” (Paulo...

Alegria, beleza, calor e esperança em novo clipe de Ortinho

O cantor e compositor Ortinho. Foto: Noelle Marão. Divulgação
Ensolarado, florido, colorido, vibrante são adjetivos sob medida para nos referirmos ao videoclipe de “Se não eu morro” (Anastácia/ Ortinho/ Zeca Baleiro), música cantada por Ortinho em dueto com Zeca Baleiro, faixa do ep “Caruarus”, que o pernambucano lançou em maio passado – relembre aqui entrevista do artista ao Balaio Cultural, na Rádio Timbira AM, sobre o lançamento. “A minha...