quarta-feira, agosto 10, 2022

Um disco necessário em tempos distópicos

O ator, cantor e compositor Alexandre Nero. Foto: Priscila Prade. Divulgação
Na próxima terça-feira (12) chega às plataformas digitais o álbum “Quarto, suítes, alguns cômodos e outros nem tanto”, do ator, cantor e compositor Alexandre Nero. “É o momento de o disco encontrar novos autores, ele precisa de pessoas como vocês, de pessoas novas ouvindo, para que a gente possa encará-lo de outra forma”, afirmou o artista em encontro virtual com...

As releituras originais de Fernando Salem

O cantor e compositor Fernando Salem. Foto: Paulo Rapoport. Divulgação
Disco de intérprete, “Trilhas do amor”, de Fernando Salem, é uma qualificada coleção de canções de amor – entre inéditas e regravações ele assina apenas duas das 12 faixas. Artista versátil, ex-Vexame (sim, a banda da Marisa Orth e André Abujamra), o cantor e compositor não se entrega ao óbvio. O modo de consumir música mudou radicalmente com o advento...

Ruy Maurity retratou o Brasil não-litorâneo

Ruy Maurity na contracapa de "Natureza", em 1980
"Quem Tem Medo da Música Caipira?", perguntava a nona faixa do LP Em Busca do Ouro (1972), do fluminense Ruy Maurity (1949-2022), artista que fez um contraste intrigante com a imagem praiana e sambista que desde há muito caracteriza o estado do Rio de Janeiro. O tema começava boiadeiro, mas logo se transformava em uma vibrante moda de viola que nem chegava...

A cara da MPB

Elifas Andreato diante de totem de exposição sobre sua obra, em 2010. Foram expostos mais de 100 trabalhos seus, entre cartazes e capas de discos. Acervo Memorial da Resistência de São Paulo. Reprodução
Faleceu hoje o artista gráfico Elifas Andreato, autor de capas icônicas da música popular brasileira O artista gráfico Elifas Andreato (1946-2022) é um daqueles personagens cuja dimensão é incalculável. Acostumamo-nos à sua presença desde sempre, invariavelmente sem nos questionarmos acerca de sua origem – nasceu na pequena Rolândia/PR, na região metropolitana de Londrina – e longevidade – este repórter mesmo...

O forró do plural Ortinho

O cantor e compositor Ortinho. Foto: Isabela Martini. Divulgação
A ouvidos menos desavisados, de cara, pode soar contraditório que o cantor e compositor Ortinho, egresso da Querosene Jacaré, a banda mais rock’n roll do movimento MangueBit, lance um álbum inteiramente dedicado ao forró: “Caruarus – volume 1”, disponibilizado no fim da semana passada nas plataformas de streaming. A singular cidade natal, no agreste pernambucano, cujo plural empresta título ao...

O retratista do Choro

Jotarelli e seu Jacob do Bandolim. Acervo Clube do Choro de Santos
Gravada pela primeira vez em 1979, no elepê “Tributo a Jacob do Bandolim”, que homenageava o compositor nos 10 anos de seu falecimento, a “Suíte Retratos”, de autoria do maestro gaúcho Radamés Gnattali (1906-1988), mentor da Camerata Carioca, tem quatro movimentos, que se inspiram nas obras e homenageiam Pixinguinha (1897-1973), Ernesto Nazareth (1863-1934), Anacleto de Medeiros (1866-1907) e Chiquinha...

Sobras do amor

A cantora e compositora Renata Torres. Foto: Letícia Tavares. Divulgação
A cantora Renata Torres, de Caruaru/PE, estreia em videoclipe: “Tempo guardado” foi disponibilizado hoje (3), às 20h, no youtube Vivemos uma época em suspensão, com uma noção etérea de tempo: já não sabemos se corre ligeiro ou devagar demais e talvez nem faça mesmo diferença. Uma mulher de costas numa rua em preto e branco, vazia como as ruas durante uma...

Taciana, Marisa e Karina nas asas de Belchior

Marisa Orth
A atriz e cantora Marisa Orth é vocalista da banda Romance e durante anos protagonizou a banda Vexame, formada na década de 1990 desde São Paulo. "A Vexame tinha grandes músicos e arranjadores. Era uma banda que soava bem. Resgatar o cafona naquele momento dava um toque cult. Vexame acabou, apareceu a Banda Calypso, usando aquelas roupas, é o...

“Estamos todos já cansados da luta”, afirma Chico Maranhão

Chico Maranhão
Em 2019, um encontro com Chico Maranhão no bar de refugiados palestinos Al Janiah, em São Paulo, resultou na entrevista a seguir, que por motivos alheios ficou inédita até este momento. A publicação de Lembranças Lenços Lances de Agora, de Celso Borges, dá oportunidade de reparar o ineditismo, já que Maranhão, então lançando o álbum duplo Contradições (2018), fala de muitos dos assuntos abordados no...

O homem que ostentou o Maranhão no nome

Chico Maranhão
"Nós sonhamos mais do que realizamos", afirma o compositor, cantor e arquiteto Chico Maranhão no livro Lembranças Lenços Lances de Agora, escrito pelo jornalista, poeta e letrista Celso Borges. Ele se refere aos brasileiros do Maranhão de modo coletivo, mas numa argumentação que merece ser reproduzida e pensada por brasileiros de quaisquer estados, mesmo aqueles que acreditam ser as vanguardas de nossos sonhos...