segunda-feira, abril 22, 2024

A família de 50 bilhões

Algumas explicações não deveriam nem tentar existir. Calma, não estou me convertendo ao terraplanismo de resultados, defendo obviamente a ciência e também o amplo direito de defesa. Mas pensem: o que o infeliz do senador Chico Rodrigues (DEM-RR) está fazendo quando diz que "vou provar minha inocência"? Como se explica 30 mil reais escondidos da polícia no reto (sem...

O encontro de Belchior e Zé Limeira no céu

Zé Limeira estava sentado à mesa com inscrições talhadas a canivete que ficava no fundão do Armazém Dante Alighieri, falso depósito de provisões da alma na Ala 7 do Paraíso. No armazém funciona, há uma eternidade, um pub clandestino que nem o Pedro desconhece. Foi quando se acercou dele um rapaz de bigode volumoso, bem aparado, um anjo de...

Cinema falado

Uma longa entrevista de 1h30 num lugar que parece uma câmara frigorífica, na frente de um muro de concreto, com a imagem do entrevistado basicamente entre o primeiro plano e o meio primeiro plano, pode ser considerada cinema? Narciso em férias, o documentário de Renato Terra e Ricardo Calil que foi exibido pela primeira vez ontem, 7, no Festival...

O deus Pã

No início de dezembro de 2019, Anakwa Kakwya Papwua de Oliveira reapareceu após um ano de meditação estimulada no Alto Xingu e me zapeou para um encontro urgente no qual me advertiria sobre o que estava por vir da mesma forma que sempre faz, sem prefácio nem preâmbulo. Só que dessa vez ele parecia um Cavaleiro do Apocalipse, nunca...

EM Melo e Castro, o poeta do futuro

Há 26 anos, as redações dos jornais ainda nem tinham computadores, eram apenas umas máquinas bisonhas ocupadas em sistema de rodízio pelos jornalistas. No dia 2 de agosto de 1994, fui incumbido de entrevistar uma das estrelas da Bienal do Livro, que participava também de um congresso de literatura na USP, o poeta português Ernesto Melo e Castro, numa...

Uber Yeats

Alexandre Mota/O Tempo
UBER YEATS Você imagina a tortura que é andar com fome carregando comida nas costas? (Paulo Roberto, 31 anos, motoqueiro de aplicativo)    Eu os encontrei quando o dia findava Chegando com suas faces espremidas entre a máscara e o capacete Voando do caixa do delivery às máquinas plastificadas de débito e crédito Tocando as campainhas das casas geminadas das vilas da Vila Mariana Eu os saudei...

Breve crônica do reinado de Regina, a Fugaz

Regina Duarte
Quando finalmente o Lacaio do Imperador estancou à sua frente, com sua lanterna de enxofre, Regina já tinha subido mais de 700 degraus até chegar à torre mais alta. Ele então lhe apontou o feudo que ela estava assumindo e leu uma lista no teleprompter.- À direita, 2 mil metros lineares de estantes de livros raros na Biblioteca Nacional, que...

Flavio Migliaccio, rosto que moldava os personagens

Flavio Migliaccio
Às vezes eu ficava olhando o Flavio Migliaccio (1934-2020) na TV e pensava: menino, já imaginou se o Martin Scorsese descobre esse cara? Ele certamente engoliria filmes inteiros como um daqueles gângsteres de fundo que o Scorsese imortalizou (com sobrenomes como Cenatiempo, Pietrangelo, Riccobene, Maniscalco, Gallo). Em dois tempos, Flavio estaria ombreando Joe Pesci, sendo recebido como rei nas...

Alguém aí viu Edna?

Foto de Jotabê Medeiros
A última vez que a vi foi no cemitério. Um rapaz a empurrava sentada na cadeira de rodas e ela estava inerme, uma expressão de catatonia no olhar. Soube que se recuperou rapidamente porque, no dia 6 de maio, de cabelos soltos, óculos escuros, reapareceu no Theatro São João, em Sobral (CE), por insistência de amigos da cidade, discursando...

Roberto Piva, o poeta que não era piedoso

Foto de Jotabê Medeiros
Há 10 anos, morria o poeta paulistano Roberto Piva.Tenho Piva na mesma consideração que tenho Walt Whitman.Evidentemente, não foi sempre assim. Fui despertado para a literatura de Piva quando ele já era calejado. Quando li Paranoia, custei a crer que tinha sido escrito em 1963, quando o poeta tinha apenas 26 anos. Tenho duas ou três edições diferentes de...