terça-feira, maio 17, 2022
Home Canção de protesto

Canção de protesto

O sertão está virando mar

"Vou contar uma história, na verdade é imaginação/ abra bem os seus ólho pra enxergar com atenção." A história musical pode ser recontada hoje, quase 50 anos mais tarde, no primeiro relançamento em CD da trilha sonora do filme Deus e o Diabo na Terra do Sol, do cineasta baiano Glauber Rocha (1939-1981). Editada originalmente pela efêmera gravadora Forma, a trilha luxuosa era dita...

Elza Soares contra os homens

Os versos são de Vinicius de Moraes, o poetinha ex-diplomata que nunca chegou a ser o mais progressista dos brasileiros. A música é de Baden Powell, que no final da vida extirpou a palavra "saravá" de suas canções e substituiu os antigos cantos de candomblé pela religião evangélica. Transtornado por Elza Soares, o "Canto de Ossanha" (1966) de Baden e Vinicius constituiu-se, para boas entendedoras,...

Banda Borralheira estreia com crítica ácida e direta a Jair Bolsonaro

Divulgação
Nesta e na ditadura instalada em 1964 os generais de plantão sempre foram fustigados por artistas insatisfeitos com o regime. “Os artistas são as antenas da raça”, ensinou Ezra Pound, e “um país bom para cartunista trabalhar não é um país bom para você viver”, ensina André Dahmer. A banda Borralheira, de Curitiba/PR, acaba de disponibilizar em seu canal no...

Quando o B da MPB era maiúsculo na TV

A edição das caixas de CDs "Festivais da Canção" coloca a nu o modo como a televisão forjou a "música popular brasileira" moderna e em seguida a destruiu.       Era uma vez um país arbitrário que moldava sua identidade assistindo a festivais da canção pela televisão. O país era o Brasil das décadas de 1960 e 1970, que vivia...

A hora do bacurau: Sérgio Ricardo

Sérgio Ricardo (1932-2020) desfrutou de um pique discreto de revalorização no ano passado, quando sua música "Bichos da Noite" (1967) foi incluída na trilha sonora de Bacurau. Entoada pelo elenco em procissão pelas ruas do vilarejo de Bacurau, a densa canção do compositor paulista (de Marília), mais que mero fundo musical, faz-se uma das almas do filme de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles....

(Re)Ouvindo MPB 4

O texto de Bia Abramo sobre a morte de Magro, somado às conversas de Twitter com Bia, Walter Hupsel e outros compadres, assanhou por aqui a saudade de ouvir MPB 4. É o velho e deletério vício de sempre: só nos damos conta do quanto gostamos de alguém quando o perdemos. Em contraponto a Hupsel, no Twitter, Bia e eu...