A Câmara dos deputados apresentou ontem, quinta-feira, o Projeto de Decreto Legislativo n. 542/2020, elaborado pela Deputada Áurea Carolina (PSOL/MG) e outros, que susta os efeitos da Deliberação de Diretoria Colegiada da Agência Nacional do Cinema – Ancine n.º 1002-E, de 08 de dezembro de 2020. Assinam o pedido os deputados Paulo Teixeira – PT/SP, David Miranda – PSOL/RJ, Benedita da Silva – PT/RJ, Jandira Feghali – PCdoB/RJ, Lídice da Mata (PSB-BA)- Túlio Gadêlha – PDT/PE,  Erika Kokay – PT/DF, Alexandre Padilha – PT/SP, Airton Faleiro – PT/PA, entr outros.

A intenção é cancelar os atos da diretoria da agência que adiam por tempo indeterminado a adoção da cota de tela para 2021, além  de cancelar os saldos de chamadas públicas, extinguir o regulamento geral do Programa de Desenvolvimento do Audiovisual (Prodav) e definir um orçamento para o setor menor do que a arrecadação do mesmo.

A informação sobre essa deliberação foi divulgada pelo Farofafá na quarta-feira, e replicada por outros veículos que, como de hábito, nunca dão crédito (como farão mais uma vez com essa nova notícia).

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome