Apresentadora Xuxa, em seu programa na TV Record - Foto: Facebook
Apresentadora Xuxa, em seu programa na TV Record – Foto: Facebook

Na segunda-feira, a “professora” Xuxa quis dar uma “aula” para os baixinhos e desatou a falar de política. Criticou a presidente Dilma Rousseff contra a vontade, segundo ela, dos donos da TV Record, comandada pelo bispo Edir Macedo. Mas o que a apresentadora fez apenas sintetizou algo preocupante que muitos de nós, pais, estamos fazendo sem perceber: roubando a infância de nossos filhos.

É legítimo falar mal da presidente Dilma, porque estamos numa democracia. Xuxa estaria certo, então, ao transmitir em rede nacional suas preocupações para com o Brasil, certo? Quem defende esse governo achará que não. Quem é contra não só a apoiará como dirá que ela foi leve nas críticas. Mas para quem é pai ou mãe deveria se preocupar, em primeiro lugar, em não tratar a política (ou qualquer outro assunto de adulto) de forma rasteira.

No vídeo abaixo, produzido por alguém que capturou as imagens da televisão, vemos a apresentadora emitindo o seguinte comentário: “Estamos passando por um momento delicado, crise, mas preciso dizer, preciso colocar para fora, o povo não quer que eu fale, mas gente, pelo amor de Deus… Vento? Hello.” Nesse momento, ela estava ao lado da cantora de funk melody Lexa. Para ver o programa na íntegra, é preciso ser assinante do R7.

 

Era parte do programa em comemoração ao Dia das Crianças. Xuxa apresentou um quadro que colocou crianças para dizerem o que pensam sobre assuntos da atualidade. E explicou que “reuniu um ministério particular, intelectuais, experts no assunto”. Sim, os convidados mirins se tornaram, para o bem da audiência do show, em especialistas e ministros de brincadeirinha.

Justo a Xuxa, aquela que “nos anos 1980, com roupas mínimas, comandava o programa infantil de maior audiência da TV brasileira”, como afirmou a antropóloga Adriana Facina, da UFRJ. Se você tem filhos pequenos, veja se o que está acontecendo com eles não é muito do que a apresentadora quis reproduzir na TV aberta. Propor uma discussão sem embasamento, construída nas nossas visões ideológicas e partidárias do mundo, sem minimamente preparar as crianças para que elas entendam o que estamos querendo dizer é um desserviço. Foi assim nas eleições, tem sido assim nas manifestações contra e a favor de Dilma. Cidadãos ainda em formação passaram a reproduzir bordões sem ter a menor noção do que estão falando. Chegam da escola falando de política, de que Dilma é isso, Aécio é aquilo. São os professores? São os pais? Eles estão inventando? Como diria Xuxa: “Hellooooo”.

O vídeo abaixo, do próprio R7 (o portal noticioso da Record), mostra que Xuxa levou as crianças convidadas para o camarim. No segundo 41, a repórter pergunta a um garoto e uma garota se eles já tiveram esse tipo de conversa com os pais. Eles negam, mas dizem que conversam entre os amigos, embora “a maioria deles não”. E depois a repórter responde por eles algo que deveria ser a lição de casa para todos nós adultos: “Vocês só brincam mesmo, né?”. Sim, crianças devem brincar e aprender brincando – e não servir de instrumento para nossas angústias, decepções e frustrações políticas ou quaisquer que sejam.


DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome