Ancine
Logotipo da Agência Nacional de Cinema (Ancine)

O presidente Jair Bolsonaro designou na manhã desta terça-feira, 10 de maio, duas servidoras da Agência Nacional de Cinema (Ancine) para compor, como diretoras substitutas, a Diretoria Colegiada da instituição: Carla Sobrosa Mesquita Monsores e Fabiana Trindade Machado. Carla é atualmente superintendente de Fomento da agência, e Fabiana é gerente de Desenvolvimento de Mercado na instituição. A primeira a assumir uma cadeira no colegiado, já nos próximos dias, será Carla.

Em relação aos diretores efetivos da agência, segue indicado à sabatina do Senado o atual Secretário Especial de Cultura do governo Bolsonaro, Hélio Ferraz de Oliveira, que entrou em março no lugar de Mário Frias, em campanha para deputado. Ferraz deverá ser sabatinado e assumir em junho de 2022 para um mandato de 5 anos – o curioso é que, para isso, Ferraz terá de ser exonerado do cargo de secretário, que é, em tese, o superior hierárquico do cargo que deverá assumir.

Atualmente, a Ancine tem em sua diretoria colegiada o presidente, Alex Braga, e ainda Tiago Mafra, Vinicius Clay e o diretor substituto Mauro Gonçalves de Souza, ligado ao Centrão, como Alex Braga, e que já ocupou interinamente a presidência – mas deve dançar com a nomeação das duas diretoras novas. Carla e Fabiana tiveram papel ativo nas últimas movimentações da Ancine durante o governo Bolsonaro, um período caracterizado pela paralisação deliberada do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), segundo denúncia do Ministério Público Federal, e medidas de fiscalização que atingiram produtores que considerados malvistos pela atual gestão.

Siga-nos no Google Notícias
PUBLICIDADE

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome