Feminismo é uma das palavras de ordem dos dias que correm, e o Oscar 2020 tem sido criticado pelo anacronismo: nenhuma mulher foi indicada para concorrer às estatuetas na categoria de melhor direção. Notando o machismo em Hollywood, o Espaço Itaú de São Paulo faz coincidir com a cerimônia do Oscar, no domingo 9, uma mostra de sete dias com os filmes que mais representaram o feminino no cinema internacional em 2019.

A programação especial começou na quinta-feira 6, com A Camareira, da mexicana Lila Avilés. Segue no próximos seis dias com Rainha de Copas, da dinamarquesa-egípcia May El-Toukhy (sexta 7), Papicha, da argelina Monia Meddour (sábado 8), Adam, da marroquina Maryam Touzani (domingo 9), As Golpistas, da estadunidense Lorene Scafaria (segunda 10), Retrato de uma Jovem em Chamas (foto), da francesa Celine Sciamma (terça 11), e Adoráveis Mulheres, da estadunidense Greta Gerwig (quarta 12)

Os filmes da mostra Essas Mulheres… estarão em cartaz nos dias respectivos, na sala 4 do Anexo Augusta, à rua Augusta, 1.470. Os ingressos inteiros custam 30 reais (de segunda a quarta), 13 reais (terça) e 38 reais (quinta a domingo).

 

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome