Como muitos brasileiros consumistas BRANCOS, sou usuário de aparelhos Apple e de serviços da operadora de telefonia celular Vivo. Mesmo apesar de toda a modernidade e eficiência vendidas pela publicidade dessas marcas reluzentes, às vezes...
Daqui a pouco parto (feliz) de Macapá, e é hora de ruminar mais um pouco - não é de propósito, mas cada vez mais tenho me tornado adepto do jornalismo ruminativo (em detrimento do jornalismo...
O paraense Otto Ramos nasceu há 33 anos em Breves, na Ilha do Marajó, e se radicou aos 16 anos em Macapá, capital do Amapá. Neste ano de 2013, ele e seus companheiros têm R$...
"Preconceito!" É um detento do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) quem lança o grito no ar. É uma manhã quente em Macapá, e o festival Quebramar se deslocou temporariamente para dentro do presídio....
São Paulo-Macapá é uma viagem longa,  mesmo de avião. Do momento em que botei o pé fora de casa até o pouso na capital do Amapá foram-se cerca de 11 horas, gastas entre as conexões...
A experiência é perturbadora quando a gente vai ao cinema e carrega para dentro do filme o nosso próprio mundo. Aconteceu comigo ao assistir a Serra Pelada, bangue-bangue do (ex-)Terceiro Mundo dirigido pelo pernambucano Heitor Dhalia. Serra...
Caetano Veloso falou (ou tentou falar) em código em sua coluna deste domingo no jornal O Globo, denominada justamente "Código". FAROFAFÁ, por ora, limita-se a reproduzir dois pequenos e eloquentes trechos do texto. Trecho 1: "E RC (Roberto Carlos) só apareceu...
É costume de muitos brasileiros ditos intelectualizados vilanizar Roberto Carlos em regra, por qualquer coisa que ele cante, fale ou faça. Na mesma medida, é costume entre essa mesma camada social eundeusar Chico Buarque na mesma medida e proporção. São,...
Ei, alguém aí me ajuda? Posso perguntar? Vocês já ouviram falar de um filme chamado Um Porco em Gaza? É o seguinte. Passava eu pelo camelô de piratas aqui  na esquina, quando encontrei Hannah Arendt, um filme que eu...
Estava à toa na vida, o meu amor me chamou pra ver a banda passar cantando coisas de amor. Ela e seu tricô, ela e sua janela, espiando, esperando. Manhã, parece, carece de esperar também....