Suiriri-de-garganta-branca (Tyrannus albogularis) Foto Araquém Alcântara
Imagem de Suiriri-de-garganta-branca, na exposição Ibitipoca - Foto Araquém Alcântara

Neste ano, Araquém Alcântara completa cinco décadas dedicadas à fotografia e, desde os anos 1970, a documentar a natureza brasileira. Terra Brasil (Editora Melhoramentos) se tornou o livro de fotografia mais vendido no País, que mostra a jornada empreendida pelo fotógrafo no registro pictográfico pioneiro de todos os parques nacionais, realizada entre os anos 1987 e 1998. A Funarte SP recebe a exposição “Ibitipoca – Minas que transformam” a partir de 1º de fevereiro (abertura) como parte das celebrações do trabalho de Araquém.

Ibitipoca, palavra tupi-guarani, significa “serra estourada”, que pode ser explicada pela grande quantidade de grutas. Localizado na Serra do Ibitipoca, uma ramificação da Serra da Mantiqueira, o parque estadual é um dos mais visitados do Sudeste. Sua exuberante vegetação de mata atlântica é recortada por piscinas naturais e cachoeiras. Sua fauna ainda preserva espécies ameaçadas de extinção, como a onça parda, o lobo guará e o primata sauá.

Araquém Alcântara em ação - Foto João Marcos Rosa
Araquém Alcântara em ação – Foto João Marcos Rosa

A exposição Ibitipoca é composta de 36 imagens, coloridas e em preto e branco, que Araquém flagrou no entorno do Parque Estadual de Ibitipoca. A expografia da mostra é constituída de três eixos, pessoas, fauna e flora, que inclui desde o belo voo de asas abertas do suiriri-de-garganta-branca até o cotidiano do povoado local. Há, nas imagens do fotógrafo, uma rendição da condição humana diante da magnitude do ambiente. Araquém tem 54 livros publicados e 32 prêmios nacionais, entre eles um Jabuti pelo livro Amazônia (2006).

Ibitipoca – Minas que transformam. De Araquém Alcântara. No Complexo Cultural Funarte SP (Alameda Nothmann, 1058). Abertura 1º de fevereiro, das 14 às 18 horas. Aberta até 1º de março, terças a sextas-feiras, das 10 às 18 horas; e aos sábados e domingos, das 14 às 21 horas. Grátis.

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome