As músicas vêm com advertências, tais como:

“Ferocidade sem precedentes!”.

“Letras explícitas”

E as músicas têm títulos assim:

“O cara no estúdio se mijou”

“Morda a mão que te alimenta”

“Sem cães, sem mestres”.

Quase morro de rir com essa banda Caninus!

Não acreditei quando ouvi falar sobre eles.Têm dois pitbulls como vocalistas.

Não, não se trata de playboys cariocas da Barra da Tijuca: são cachorros de verdade! Budgie e Basil são os nomes dos rosnadores dos vocais.

É a banda de heavy metal Caninus, do Brooklyn, NYC.

Eles dizem que, após constatarem que a maioria do grindcore atual tem cantores que tentam soar como animais raivosos, eles decidiram usar “the real thing”.“Todos estritamente vegetarianos”, ironizam.

http://www.myspace.com/caninus
Huáhuáhuáhuáhuá, como diria o João Bafodeonça (que é um cão, não é?)
AnteriorAMY ADEGA
PróximoCHICAGO
Jotabê Medeiros, paraibano de Sumé, é repórter de jornalismo cultural desde 1986 e escritor, autor de Belchior - Apenas um Rapaz Latino-Americano (Todavia, 2017), Raul Seixas - Não diga que a canção está perdida (Todavia, 2019) e Roberto Carlos - Por isso essa voz tamanha (Todavia, 2021)

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome