Mas existe cinema de índio?

A selva de pedra volta a ser floresta por alguns dias, de 7 a 12 de outubro, quando desembarcam em São Paulo 53 produções indígenas realizadas com o olho mecânico a que chamamos câmera cinematográfica. Orquestrada pelas mãos de música do líder krenak Ailton Krenak, a Aldeia SP - Bienal de Cinema Indígena aporta na "maior cidade" da América Latina, ameríndia...

Hollywood exclui governo Bolsonaro da escolha do Oscar

A Academy of Motion Pictures, Arts and Science (Ampas) de Hollywood enviou um ofício às entidades de classe brasileiras reconhecendo a Academia Brasileira de Cinema (ABC) como a responsável por escolher, a partir deste ano, o filme brasileiro postulante à disputa do prêmio Oscar, o mais destacado do cinema. Isso significa que o filme brasileiro que tentará disputar a...

Adoniran – Meu Nome É João Rubinato, de Pedro Serrano

Adoniran - Meu Nome É João Rubinato, direção Pedro Serrano
Adoniran - Meu Nome É João Rubinato apresenta a tristeza e a amargura por trás da irreverência do compositor e humorista paulista A certa altura do documentário Meu Nome É João Rubinato, a entrevistadora Marília Gabriela pede a Adoniran Barbosa (1910-1982) uma definição sobre a cidade de São Paulo. "É o inferno que anda", ele responde, sem titubear. Nascido no interior, em...

O que assobiava Y’oi quando pescou o povo Tikuna? (*)

Meu nome é Djuena, "a onça que pula no rio". Sou filha do Alto Solimões, nasci na aldeia Umariaçu, na fronteira do Brasil com o Peru e a Colômbia. Vim com os meus pais para a capital ainda pequena, vim para morar em uma comunidade Tikuna chamada Wotchimaucu, na periferia de Manaus, no Amazonas. Aqui foi onde cresci. Tenho 31 anos,...

Festival de Berlim no Canal Brasil

Bixa Travesty será exibido no Canal Brasil
O Canal Brasil exibe, a partir de hoje, filmes nacionais e estrangeiros premiados ou indicados em anos anteriores no Festival de Berlim. Um dos maiores festivais de cinema do mundo acontece a partir do dia 20 de fevereiro e vai até 1º de março, que terá cobertura diária pela emissora brasileira. Entre os filmes selecionados nesta seleção do Canal Brasil...

Fotografação, uma ode à fotografia

Fotografação. Marcel Gautherot fotografado por Pierre Verger
O fotógrafo de cinema Lauro Escorel filmou o documentário Fotografação com uma questão que o inquietava: como a humanidade será lembrada a partir da miríade de selfies e imagens captadas diariamente por bilhões de pessoas no mundo. A fotografia está em transformação profunda, bem como a comunicação em geral. A tecnologia e os costumes sociais caminham juntos na construção...

Homenagens, comemorações e reencontros

Nelson Sargento - Foto Edinho Alves
O fim de semana, começando hoje! e com atrações diversas e variadas, reflete um Brasil multicultural e nada sectário, como sonham os atuais governantes de Brasília. Destaque para o festival de audiovisual Aruanda, em João Pessoa, e o retorno do Grande Encontro (com o trio Elba Ramalho, Geraldo Azevedo e Alceu Valença) onde tudo começou, Natal. Itamar Assumpção é...

Trainspotting, ao vivo

A distribuidora de cinema Pandora comemora 30 anos de presença no mercado nacional de 12 a 18 de setembro, com um um festival de filmes cult projetados em 35 mm, entre eles Morte em Veneza (1971), de Luchino Visconti, O Passageiro - Profissão: Repórter (1975), de Michelangelo Antonioni, e Paixão Selvagem (1976), do compositor e cantor Serge Gainsbourg. Trainspotting (1996), de Danny Boyle, filme...

Começa no Rio o Festival de Filmes sobre Deficiência

"Meu Nome É Daniel"
Em cartaz desde a quarta-feira 23, o Assim Vivemos - Festival Internacional de Filmes sobre Deficiência ocupa o Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro em sua nona edição, com 38 filmes de 20 países, como Alemanha, Bélgica, Canadá, Eslováquia, Espanha, Índia, Irã, Israel, Nigéria, Nova Zelândia, Portugal, Reino Unido, Rússia e Suíça. Além da programação de filmes,...

Os grevistas de 1991 e os entregadores de aplicativo de 2020

O filme Não Toque em Meu Companheiro retira seu título de um dos slogans usados pelos bancários em greve no início dos anos 1990, uma espécie de "ninguém segura a mão de ninguém" da época. Maria Augusta Ramos, diretora de Justiça (2004) e O Processo (2018), dedica-se em seu novo documentário a retratar aqueles episódios, mas em grande sintonia...