“Abaixo a corrupção!”

“Fora, petistas corruptos!”

O-Grito-Edvard-Munch-Foto01

“A corrupção é um câncer petista que se alastra pelo BraZil e coloca em risco a alma pura dos homens brancos tucanistaneses de bem!”

“Não existe água em SP! Culpa desse maldito São Pedro pedralha!”

“Cadeia para os mensaleiros petistas!!!!!”

(“Oi?! Eles já estão na cadeia?!? Não importa!!!!, cadeia para os mensageiros petistas mesmo assim!!!!!”)

“Eu quero DEFENDER!!!!, toda aquela corrupção!”

“Por mais saúde!, mais educação!, não vai ter Copa!, contra isto tudo (e tudo aquilo) que está aí!, porque foi o maldito PT que pôs tudo isto aí!”

PSDB

“Abaixo o Maior Escândalo de Corrupção da História do BraSil!, o Mensalão Petista!, os R$ 101 milhões!!!!! ”

“Eu quero de-fen-der…!, todo aquele mensalão tucano!”

As frases acima são caricaturas, mas são praticamente reais, factuais, ditas e repetidas diariamente pelo cordeiros do Estado Teocrático Difuso de Tucanistão.

Há quem conheça, da origem ou das incontáveis ramificações, os termos lacerdismo, udenismo, golpismo, neo-udenismo. Há quem não conheça, mas estudioso que é, logo vai conhecer. São todos vertentes do FALSO MORALISMO, tão bem traduzido por Nelson Sargento e interpretado (em 1972) por Paulinho da Viola.

O falso moralismo é falso porque não é verdadeiro. É falso porque se utiliza com estardalhaço dos (perdão pelo termo católico, mas não sei como ser mais direto) ~pecados~ do OUTRO para fazer cortina de fumaça sobre as PRÓPRIAS bandalheiras, frequentemente muito maiores e mais cabeludas que as esfregadas 24 hora por dia no nariz do OUTRO.

Falando para jovens petistas, a filósofa uspiana Marilena Chaui fala concisa e didaticamente sobre essas pragas que assolam o BraSil e o BraZil (quiçá o mundo) – a corrupção, sim, mas também o udenismo, o lacerdismo, o golpismo,  a PTfobia, o moralismo de meia pataca.

(O falso moralismo é uma fobia.) (Nelson Sargento e Paulinho da Viola votam no PT.) (Todo moralista é um falso moralista.)

Vamos conversar sobre CORRUPÇÃO com Marilena? A conversa é primariamente com jovens petistas, mas eu prometo que ninguém vai ficar mais burro depois de ouvir a fala da Marilena: vai encarar?

Marilena também discorre sobre neoliberalismo, essa outra prima-irmã do lacerdismo PTfóbico que desmorona em ruínas pelo planeta afora, mas que os eleitores tucanistaneses informados pelo nordestinofóbico notório Fernando Henrique Cardoso almejam trazer de volta aos Alegres Trópicos sob a égide de uma restauração PSDBista.

Fernando Henrique no jegue

(Por que FHC não aparece JAMAIS nas propagandas eleitorais dos candidatos presidenciais PSDBistas?) (Prometo novamente, inclusive a marineiros, neo-marineiras e ex-marineiros: a fala da filósofa petista não terá o poder de emburrecer ninguém.)

Eu.

Quero.

DEFENDER.

Toda aquela corrupção.

À revelia dos lacerdinhas e dos lacerdistas. Dos udenistas e das maçonarias neo-UDN. Do Instituto Millenium e da mídia tucanistanesa corrupta. Dos arrancadores de unhazinhas, dos ditabrandos e dos ditabrancos. À revelia disto tudo que está aí, o bronzeado e valoroso processo braSileiro de educação político-sentimental vai a pleno vapor, límpido e transparente como nunca antes na história deste BraSil.

A quem quiser ouvir na íntegra a fala inspiradora, mobilizadora e provocadora de Weslian Roriz, digo, de Marina Silva, digo, de Dilma Rousseff, digo, de Marilena Chaui, vai aí, em duas partes, a conversa animada da filósofa antitucanistanesa. Abaixo a PTfobia irracional que se alastra constrangida pelas mentes preguiçosas de 2014. Pode doer um pouquinho, mas não vai tirar nenhum pedaço de ninguém, bebê!

11 COMENTÁRIOS

  1. Marilena Chauí é uma fanática dogmática! Não há como levar à serio o que essa sra diz sobre o PT. Da mesma forma que existem os fanáticos do lado azul, existem os fanáticos do lado vermelho que relativizam “tudo” que envolve o seu lado e criminalizam “tudo” do adversário…O PSDB é uma desgraça para o Brasil e o PT é o melhor entre as opções que temos, mas colocar o partido da Dilma em um pedestal e fechar os olhos para toda a “adequação ao status quo” pela qual o partido passou é, para ser educado, ingenuidade!

      • Claro que ela é uma fanática e você não percebe porque é um fanático também. Tanto a Marilena quanto você idealizam o PT de uma forma que seria comovente, se não fosse ingênua! Quanto à mim não sou filósofo e posso ser um ignorante, mas cego certamente não. Repito, o PT dentre as opções que temos é a melhor, mas de imaculado o partido não tem nada!

        • Parabéns pela paixão em xingar os outros de fanáticos. Talvez teu espelho te prepare umas surpresas, se você peitar olhar pra ele sem máscaras.

    • Eu sugeriria que você não atirasse NO OUTRO as suas próprias dificuldades de interpretação de texto, Renato…

      Eu entendo grande parte do que Dilma diz – não só entendo, eu vibro.

DEIXE UMA REPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, entre seu nome