A direita brasileira está em polvorosa com o vídeo do cantor Ney Matogrosso criticando os governos do PT. Ele é parte de uma entrevista para a emissora RTP, a mesma em que o ex-presidente Lula criticou o Judiciário brasileiro pelo julgamento do mensalão. Vejam o trecho reproduzido por diversos usuários do YouTube:

Ney Matogrosso, que foi a Portugal fazer dois shows pelos 40 anos de carreira, fala algumas inverdades. Uma delas é a de que os beneficiados pelo Bolsa-Família não têm a obrigação de matricular seus filhos na escola. O cantor apenas reproduz a crítica de muitos brasileiros que condenam o programa social sem conhecê-lo em profundidade.

Não é a primeira vez que o ex-Secos & Molhados (a banda que ousou desafiar a ditadura brasileira) criticou um governo do PT. Em agosto de 2005, auge do escândalo do mensalão, Matogrosso falava de sua decepção com Lula, em entrevista à revista Época.

Ney Matogrosso em entrevista à TV RTP
Ney Matogrosso em entrevista à TV RTP
Em uma democracia, é salutar que parte da música brasileira se manifeste livremente, assim como fizeram Ney Matogrosso, Roger (do Ultraje a Rigor) e Lobão. O vídeo da RTP pode virar meme, ser usado nas campanhas políticas contra a presidente Dilma Rousseff e até provocar uma reação em cadeia da classe artística, esta cada vez mais preocupada com o seu próprio umbigo.

Aos 72 anos, o pós-tropicalista Ney Matogrosso expressou um sentimento que não é exclusivo da direita, mas também do centro e da esquerda brasileiros em relação à Copa do Mundo. A bola nem começou a rolar, mas o sentimento parece ser o de que só Deus pode salvar a América do Sul.

Se salvar o Brasil, elevando o nível da discussão política, já estaria de bom tamanho.

176 COMMENTS

  1. Ele tem razão em tudo, agora em relação ao Amarildo não concordo, são mortos por dia mais de 200 pessoas no Brasil, policial em comunidades pobres dominadas por bandidos tem que fazer verdadeiros milagres, o fato é que devido os salários baixos, treinamento inexistente, pouca experiencia, é literalmente jogar jovens em um moedor de carne e esperar alguma coisa, Amarildo morreu sim mas quantos PMs foram mortos essa semana? Enquanto a população se preocupar apenas com os Amarildos o Brasil nunca vai mudar, quando a população começar a proteger o policial é sinal de outros tempos até lá o Brasil vai ser este inferno.

    • A sociedade brasileira não precisa proteger a policia. A policia é que deve proteger a população e não o contrario. O problema da policia brasileira é que ela é tirana, mentirosa e, por vezes, muito mais bandida do que os marginais que tanto tememos.
      É muito mais fácil negociar sua vida com um bandido impiedoso com uma arma na mão do que com um policial corrupto dentro de um uniforme ou atras de uma mesa de delegacia.

      • O Ladrão é mau?, sim, claro que é. A Polícia é corrupta? Sim . o Político é corrupto, o médico, o artista, o trabalhador, sim claro que são. A questão não seguimento, más sim que a corrupção faz parte do povo brasileiro. Nós corrompemos quando pagamos para não ser multado, quando entregamos nosso documentos a alguém na fila do banco para fazer nosso pagamento. Quando utilizamos dos “jeitinhos”. Vá dizer que nunca fez isso. Resumindo a população tem a polícia e o ladrão que merece.

    • cara, o petÊ está no poder há 12 anos. Voce viu eles querendo elaborar um novo Código Penal? Eu nao vi. Vai querer esperar mais 12 anos?

        • São pessoas como Hugo, que necessitam estudar mais detidamente a història recente do país, pois aquilo que , verdadeiramente o golpe obteve sucesso em atingir, foi o desmantelamento da escola pública de qualidade, ao exilar, quando não torturrar e, mais , eliminar fisicamente, a excelência de nossos fantásticos professores e pedagogos. Essa geração, necessita entender, que, sem um retorno Á PESQUISA séria e consciente, não irá compreender e que s epassou,e, ademais, continuará aproferir sandices e asneiras, manipulados, fazendo o jogo sujo dos algozes da direita boçal e egoísta, que quer um país com uma excelente qualidade de vida para eles e, alguns poucos milhões de escravos, a quem submeterão, como e desde sempre…

    • Não vejo nenhum artista estrangeiro detonar seu próprio país em entrevistas no exterior.
      Isso parece ser cacoete de vira-latas como esse Ney, FHCanalha e Arrocho Neves.
      Estão mandando o seguinte recado para os estrangeiros: não venham ao nosso país, não tragam suas divisas, seus investimentos, aqui é um lixão, ninguém presta, é o pior lugar do mundo, afastem-se daqui!
      É um tiro no pé. E ainda tem amestrado que aplaude.
      Roupa suja se lava em casa.

      • Esse recado o próprio governo manda com a atual política econômica, temos o menor crescimento entre os BRICs, ninguém vai querer trazer divisas e investimentos no cenário atual.
        Vamos continuar sendo o país da eterna promessa.

    • Agora o Ney Matogrosso virou exemplo de boa conduta política e intelectual. Mas será que realmente ele trata bem sua empregada doméstica com um salário digno ou o porteiro que trabalha todos os dias em seu apartamento? Vocês sabem realmente como é sua personalidade?
      Acho que o brasileiro vai levar um bom tempo para entender o que é democracia!!
      Se utilizando de desabafos de pessoas famosas para expor suas frustrações…Isso me parece GOLPE contra a democracia!!!
      Viva a democracia onde a maioria comanda o espetáculo!

    • E essa politica porca não é pra ter ódio não? O mais impressionante foi o entrevistador da tv portuguesa ficar surpreso com as coisasque Ney falou sobre o Brasil. Será que o Brasil é tão distante assim…

    • Mas ele não criticou a polícia em si, mas os governantes.
      Embora não tenha citado o que você disse “o fato é que devido os salários baixos, treinamento inexistente, pouca experiência”, eu entendi dessa forma.

    • Você esta completamente equivocado, esta em outra esfera( lunatica) visto que é a policia que tem que cuidar do cidadão,e se a policia pelo menos quiser ser respeitada, ela tem que fazer o papel dela, visto que não existe algo mais perigoso que um policial que se acha dono do mundo e da vida dos outros.

  2. Com relação a fala do Ney, discordo unicamente com relação a fala sobre o bolsa-família, pois acredito ser um programa importante e que deve ser mantido e melhorado, mas infelizmente, o que ele fala a respeito dos serviços públicos e da política é real. Praticamente só houve pioras no que diz respeito a saúde e educação nesses últimos anos. É impossível discordar com ele que é fundamental para o progresso do país o fim da Era PT, pelo bem da democracia.

  3. Não sou nem de direita e nem de esquerda e concordo em número, gênero e grau com o que o
    Ney Matogrosso falou. Acho que estamos sendo mal administrados, enganados, iludidos e que
    o Lula mente compulsivamente, sou brasileiro, vivo o dia a dia e sou testemunho que 90% do que
    o Lula fala é mentira ou exagero. São 55 anos de idade e ja vi vários Lulas, o que criticava Sarney,
    o que criticava Collor o que dizia que o plano real era estelionato e que dizia que Maluf era ladrão.
    Basta ter vivido no Brasil para ter visto isto e não tem ninguém que me convença ao contrario do
    que ví em comicios ao vivo e entrevistas durante minha vida. Parabens ao Ney por contar a verdade. Só isto.

      • Cara, não me compara com esta ratazana só por ter uma frase idêntica, eu trabalho 48 horas por semana e gosto de opinar sem me preocupar se nada foi dito por um rato deste que eu realmente
        não acompanho. Kassab, Haddad, os descendentes de árabes estão nos dominando.

        • O que tem os árabes com a questão?

          No mais, você só reclamou e não apresentou um único argumento ou evidência pra sustentar o que disse. Sim, o governo do PT tem infinitas falhas, mas é preciso entende-las e critica-las com propriedade, senão estaremos eternamente reclamando da vida e trocando (ou não) de governantes que farão sempre as mesmas coisas. Se quer um conselho, menos mimimi e mais informação.

          • Perfeito. Falou pouco, mas falou bonito. Eu duvido que alguém que fale tanto por aqui, já tenha dado uma olhada nos índices divulgados pelo PNUD, através do Atlas Brasil de Desenvolvimento, sequer em Dados históricos do IBGE. Duvido qua alguém saiba o que é Política Social ou Políticas Públicas. Vão estudar !

      • qual é a evolução do patrimônio pessoal do ex presidente? Afinal, se nos últimos 30 anos ele sobreviveu com cargos eletivos, não é imoral fazer esta pergunta.

    • funciona assim: no andar de cima, eles comem a melhor comida, bebem a melhor bebida. Se lambuzam no poder, às custas dos incautos que são obrigados a repetir o que está na cartilha.

  4. Eduardo novamente falando merda. Você não é o mesmo que criticou o vencedor do the voice por cantar inglês, falando que quem tinha ganhar era a nordestina “por falar a verdadeira lingua do povo”? Se for não é de hoje que você expõe profundamente suas idéias rasas.

  5. funciona assim: se alguém ousa criticar o petÊ, toda a matilha de cães (cuzões) latem contra àquele que ousou manifestar publicamente a opinião.

    • Concordo tb com o Ney Mato Grosso, mostrou que não compactua com os corruptos que estão acabando com o Brasil com suas falcatruas e mentiras. Ele não depende de lei Ruanet para se vender como muitos safados do meio artistico q pena q o povo é idiota de não saber. PARABÉNS NEY MATO GROSSO, VC PROVOU Q É MUITO MACHO PERTO DE MUITO ARTISTA FROUXO E VENDIDO.!

    • Não cabe a você dizer FORA PT.Mas ao povo brasileiro no dia da eleição.

      Engraçado que para alguns,o PT estar há 12 anos no poder e poder ficar mais 04 é nocivo à democracia,mas o PSDB há 20 no governo de SP é normal.Vai ser seletivo assim lá longe…

  6. Essa discussão moribunda sobre esquerda X direita não tem mais lugar no Século XXI, a não ser em mentes saudosistas de antes da guerra fria e da queda do muro de Berlim. A discussão é muito maior. Quanto a exageros de parte a parte, o PT foi contra o Plano Real e o usa, foi contra a criação de Fundef, mudou uma letra e o usa, sem ter mudado sua essência. Foi contra a Lei de Responsabilidade Fiscal e não ousou a revoga-lo através de uma Medida Provisória, o mesmo PT que acusava diuturnamente o uso das MPs pelo FHC e as usa despudoradamente. Eu moro no interior do Pará, numa cidade que não tem saneamento, não tem saúde, a educação está aos frangalhos, como é Brasil afora. A Copa custará algo como 1.2 usinas de Belo Monte, essa sim importante, entre tantas outras necessidades, pois se o país crescer a 5% não tem energia. Sinceramente, Copa pra quê e pra quem? Este mesmo governo aprovou um Regime Diferenciado de Contratações, jogando no lixo a Lei de Licitações, convidando empreiteiros amigos para executar os projetos. Estádio em Manaus, sinceramente pra quê, numa cidade que as palafitas são verdadeiros depósitos de gente? Estádio caríssimo em Brasília, se o que já existe não ficaria lotado com um jogo dos times mais importantes do DF? E o que dizer de Cuiabá e Natal? Eu votei na Dilma e me confesso desencantado. Não sei se votarei novamente. Escrevo isso sem esperança de que meu comentário seja publicado, pois aconteceu de eu comentar um assunto dentro das regras de civilidade e Carta Capital ter me bloqueado. Isso não é exemplo de democracia. A coisa é muito maior que um patético embate entre esquerda e direita, Eduardo.

    • Concordo com bastante coisa do que falou, o PT era alternativa e virou posição no governo e isso é ruim. Só discordo de Belo Monte, ela é desnecessária. Dá uma buscada em análises e especialistas por aí e verá que a manutenção e troca de equipamentos em outras usinas seria o suficiente pra aumentar a geração de energia, sem causar os problemas ambientais de uma nova. Belo Monte é só mais uma obra pra agradar a empreiteiros. É como um novo estádio, embora mais útil que um.

    • Talvez vc leia apenas os jornais, blogs e colunistas da imprensa amestrada. Talvez a sua mente passional não lembre da criação da CPMF, essa mesma que o PT tanto vociferou contra, que falava os diabos dela, e depois, candidamente, a encampou como salvação da saúde. Hipocrisia tem limites e as pessoas não são néscias. A CPMF foi derrubada com a ajuda da base alugada, minha cara. Se vc se der ao trabalho de verificar o placar da votação, verá que a oposição sozinha não tinha força para tanto. A oposição, que não é santa nem nada, está de conchavos com o governo para a CPMI da Petrobrás e Metrô resultar numa imensa pizza com sobremesa de marmelada. Um fica falando bobagens dos outros, mas todos têm as mãos sujas e são santos dos pés de barro. Repito que votei na Dilma, mas isso não me deixou cego. Se malfeitos há, que se corte o mal pela raiz. O dinheiro de impostos que eu e vc pagamos é público. O privado? Bem o privado misturado com o público, e vice-versa, é essa vergonha da relação promíscua com empreiteiros, doleiros e afins, como se vê habitualmente. Vc tem justificativa para se chamar uma empresa, pelo RDC, em detrimento de outras? Como explicar com transparência isso? E vamos parar com essa coisa doente de colocar a culpa dos nossos malfeitos na imprensa golpista, de direita, essas aleivosias. Precisamos ter a grandeza de purgar nossos pecados.

  7. Fabulosa as declarações de Ney Matogrosso à RTP. O PT pratica o voto de cabresto, o coronelismo, que tanto vingia combater. Praticou verdadeiro estelionato eleitoral. Hoje, seu dirigentes estão presos(quase todos, faltou o cabeça, que afirma não saber o que acontecia na ante-sala de seu gabinete.) É o poder a qualquer preço. O cabresto é o bolsa- família. Parabéns, Ney. Outros artistas
    deveriam fazer essa crítica. O povo não precisa de esmola, e sim, de que prestem conta do dinheiro dos impostos que deveria ser transformado em benefícios(saúde, educação, transporte, etc.)

    • Porque voto de cabresto?

      Interessante que a população mais pobre que se beneficia das políticas compensatórias do PT é,para alguns,voto comprado,ou voto com o estômago.

      Ora bolas,porque alguém que se beneficiou com o governo de um determinado partido votaria contra esse partido?Todos votam de acordo com os próprios interesses.Todos.

  8. Quer dizer que Ney Matogrosso, ao revelar ao jornalista português apenas a verdade sobre o Brasil estava pensando em seu próprio umbigo? Me poupe, Mino. Ainda bem que este ano acaba esse pretenso governo “bolivariano”. hehe

  9. Nei Matogrosso, um grande artista, um intelectual, faz som a voz do senso comum, da direita, uma critica a superficie. Antigamente era miséria, miséria, miséria. Isso durante década, seculos. Quanto tempo levaremos para mudar esta realidade secular?

  10. “Uma delas é a de que os beneficiados pelo Bolsa-Família não têm a obrigação de matricular seus filhos na escola. O cantor apenas reproduz a crítica de muitos brasileiros que condenam o programa social sem conhecê-lo em profundidade.”

    Isso aí é um fato, por mais que os alunos frequentem a escola sem tirar muito proveito das aulas, seja pela qualidade precária do ensino, seja pela falta de interesse dos mesmos, a presença deles é fundamental para o recebimento do benefício. Na escola estadual em frente à minha casa, muitos costumam entrar na escola e depois que têm a presença confirmada fogem pulando o muro.

    Tem muita coisa para ser ajustada é claro, mas ele pegou pesado em alguns aspectos, inclusive fiquei meio perdido em relação à postura dele pelo que sou acostumado a ver ao longo de sua vida e carreira. É inegável também o fato do quanto muita gente se decepcionou com o PT porque soava como a última esperança em termos de renovação política e não foi. E como não surgiu nenhuma nova esperança, isso parece aumentar a sensação de decepção.

    Abs.

  11. Ele deveria se informar um pouco mais, se quer passar uma imagem ruim, deveria pelo menos procurar se inteirar dos quesitos do bolsa família, a criança não tem somente que estar na escola, tem que cumprir uma porcentagem alta das aulas. Acho que o bolsa família (escola) deveria ter sido criado há muito mais tempo, teria dado a oportunidade de senhor de ter frequentado a escola, aprendido a ler e saber que o povo lá de fora tem muito interesse que se denigra a imagem do país. Eles estão de olho nas nossas riquezas e crescimento é risco para eles. Bobinho, acho que só sabe mesmo é rebolar.

    • mais um abobado iludido, que fica repetindo o que está escrito na cartilha do petê, que obriga os cuzões a repetir que “..a culpa é do FHC, dos EUA, da ditadura, da grande mídia. E agora, acharam mais 2 culpados: os tais de facistas e os brancos”.

      • Art. 2º São condicionalidades do Programa Bolsa Familia, de acordo com o art. 3° da Lei n° 10.836, de 2004, e com os arts. 27 e 28 do Decreto nº 5.209, de 2004:

        I – na área de educação:

        para as crianças ou adolescentes de 6 (seis) a 15 (quinze) anos de idade, a matrícula e a frequência mínima de 85% (oitenta e cinco por cento) da carga horária escolar mensal; e

        para os adolescentes de 16 (dezesseis) e 17 (dezessete) anos de idade, cujas famílias recebam o Benefício Variável Vinculado ao Adolescente – BVJ, a matrícula e a frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento) da carga horária escolar mensal;

        II – na área de saúde:

        para as gestantes e nutrizes, no que couber, o comparecimento às consultas de pré-natal e a participação nas atividades educativas sobre aleitamento materno e cuidados gerais com a alimentação e saúde da criança; e

        para as crianças menores de 7 (sete) anos, o cumprimento do calendário de vacinação e o acompanhamento do crescimento e desenvolvimento infantil;

        III – para as crianças e adolescentes de até 15 (quinze) anos, em risco ou retiradas do trabalho infantil, a frequência mínima de 85% (oitenta e cinco por cento) da carga horária relativa aos serviços sócio-educativos e de convivência, conforme estabelecido no art. 13 da Portaria/MDS nº 666, de 28 de dezembro de 2005

  12. Senti uma LEVE inclinada defesa ao PT, falta argumentação assim como muitos argumentos sobre o bolsa família, onde concordo com você. Agora bem que poderia ter feito algo menos revista TITITI viva a “Presidenta” e os gangue de safados que faturam e faturam com o dinheiro publico… tsc tsc

  13. Achei um discurso de gente mal informada, acostumado a assistir o JN, ler a Veja e a Folha, e que não procura saber por outros meios e outra visão dos fatos. Acabam se tornando papagaios de pirata, que é o propósito destes veículos.
    Se alguém se propõe ao debate sobre algo, que se aprofunde mais, falar o que acha apenas, só servirá para repercussões e compartilhamentos de pessoas com profundidade igual o menor que a dele!

    • O Sr. diz gente mal informada que assiste o JN e lê a Veja e a Folha. Quais os outros meios e visão que o Sr. julga serem apropriados para nos tornarmos bem informados ?
      Creio que a democratização da informação é fundamental para a criação da cidadania mas não encontro nenhuma mídia que poderia crer como totalmente isenta de opinião, nem a favor nem contra o governo, qualquer que seja a cor dele.

      • Caro Roberto,se você não percebe a defesa descarada do PSDB por parte do JN,Veja e Folha,também precisa ler algum outro veículo pra ter uma outra visão.Carta Capital é uma boa indicação.

  14. Não sou de nenhuma vertente política. Sou apenas brasileiro. E concordo com tudo o que o querido e corajoso Ney Matogrosso disse. As bolsa assistencialistas não passam de paternalismos eleitoreiros. Ao invés de dar dinheiro dê trabalho é muito mais digno, só que rende menos votos. Todo mundo se revolta quando um cidadão é morto pelos policiais, mas quando os policiais são mortos por bandidos ninguém fala nada. Nem vai na casa do policial assassinado prestar solidariedade à familia, nem faz protestos e quebra-quebra em favor dos policiais assassinados. O que acontece hoje no Brasil é uma inversão de valores, onde bandido preso e bandido justiçado e contra os direitos humanos. Tem sim algo errado com nosso país. E as coisas nas mãos do PT só pioraram, e estão se acabando cada dia que passa. Essa copa do mundo veio só para mascarar a nossa miséria diária, e permitir que os políticos encham ainda mais suas sacolas sem fundo com o nosso caro dinheiro compulsoriamente tomado de nossos bolso trabalhadores. Tenha dó, deixe seu lado político de lado e reflita como cidadão. Talvez suas opiniões petistas mudem.

  15. A bicha fascistóide é um tipo que foi bem caracterizado num artigo lá de 2007 (7 anos atrás) do historiador e Mestre em Educação Paulo Henrique do Nascimento, publicado na Caros Amigos, que identificou na Parada Gay de SP daquele ano um movimento “nazista, segregacionista e vulgar, cria de uma sociedade consumista fetichista e mesquinha”.

    (Link: http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=21605)

    Não são, portanto, isoladas a guinada à direita de Gabeira nem a alienação útil de Ney Matogrosso – que lhe rende destaque na atual edição online da GQ, a revista ‘macho chic’ das Organizações Globo, onde é definido como “versátil”.

    • existe “7 anos à frente”???? que burro. Dá zero para ele. Não dá para discutir com sujeito que sequer conhecer as regras gramaticais, é capaz de espumar e partir para a agressão física…um legítimo petralhas.

      • Conhecer ou desconhecer regras gramaticais não faz ninguém burro nem inteligente. Usar o suposto conhecimento delas como argumento de autoridade política num debate geralmente mostra justamente a falta de proposição. Mas, já que você entrou nessa seara, gostaria que você esclarecesse qual o impedimento gramatical para “7 anos à frente”. E usar o adjetivo “petralha” mostra uma disposição um tanto bolsonariana para um debate. Resumindo: você desqualificou a linguagem do oposito, o opositor… e não propôs nem afirmou NADA. Então, não é com ele, ou não é só com ele que não dá para discutir.

          • “..Conhecer ou desconhecer regras gramaticais não faz ninguém burro nem inteligente..”. ESTE É O PROJETO EDUCACIONAL DO petê, FECHAR ESCOLAS, IGUAL FAZEM EM CUBA, NA BOLÍVIA, NA VENEZUELA, PARA MANTER O POVO NA IGNORÂNCIA. Para quê estudar? Para que se dedicar na escola, se o governo petralha dá uma bolsa miséria?? Em Cuba eles vivem assim, o governo corta toda a ambição da juventude, dizendo que “educação não serve para tornar alguem inteligente”. FORA PT e militantes. cadeia para os petralhas.

    • Só mesmo num país cuja desigualdade social é atroz e reverbera para todos os lados essas escancaradas contradições podem ser mantidas; pior, não raro atingem dimensões catastróficas (o nepotismo, o comercial de cerveja no canal do bispo, o banco público que tem lucro gordo que não volta para o público…) e são minimizadas, passam quase que despercebidas, para serem, enfim, aceitas.
      Trecho do artigo citado acima. Nada mudou. Chamar alguém de bicha facistóide pode ?

      • Roberto, acho que pode, quando o termo é usado justamente pra destacar a abominável contradição anotada no texto. E é lamentável que ícones da liberdade de costumes conquistada em outros tempos se deixem atualmente seduzir de forma tão rasa pelo discurso político anti-igualdade, e coloquem o seu prestígio a serviço disso. Por isso acho que vale aqui, sim, esse paralelo com “a viadagem encampando a pobrefobia”. É doloroso ver isso, e dizer isso também.
        A minha referência até aqui entre Ney Matogrosso e Portugal era João Apolinário.
        Dói na alma, de verdade.

  16. Ué??? pra mim o Ney Matogrosso fez o que já vem fazendo desde 1973, criticar as atrocidades da politica brasileira e, quanto ao bolsa-família, o que ele disse foi justamente ao contrário, que o brasileiro TEM de matricular os filhos na escola, porém, a única coisa que não concordei com o Ney é que a corrupção é mais evidente no governo do PT, nesse caso não é que a corrupção seja mais evidente nesse governo, pois outros governos tiveram tanto ou mais escândalos que o do PT, mas a diferença é que esses outros tinham a mídia para “passar um pano” para eles, mas de resto, Ney Matogrosso foi show de bola, explicou a situação real do Brasil sem a histeria típica do pessoal da direita e falando o que deve ser dito, assim como fazia no tempo do saudoso Secos e Molhados, VIVA NEY!!!!! O CARA MAIS HEAVY METAL DA MPB!!!!!

  17. E sabe o que mais me incomoda? É este boçal morar no Brasil e estando fora dele, depreciá-lo. Não vejo este tipo de atitude em outras pessoas para com o seu país. Só brasileiros.Alguns, é claro. Os sem tutano. Por que não se insere aqui, e luta pelo que acredita? Não, vai pra lá, reforçar a máxima de que nada somos, quando o mundo inteiro está dizendo o contrário. Atitude que só reforça o interesse de alguns países de manter o Brasil na sombra. Deles, eu não estranho, mas de quem mora aqui, valha-me Deus! Que cale a boca e a abra aqui, em forma de luta pelo que acredita. Aliás, o que nunca este moço fez! O desconhecimento do país, na sua movimentação e avanço social, me chocou. Um bosta, sem o menor senso histórico e geográfico de superação.

  18. Não se pode dizer que a saúde pública no Brasil nos anos 50 era melhor que hoje. O sistema de saúde de um país deve ser avaliado pela saúde de sua população, e hoje, apesar dos problemas que ainda temos, temos índices de saúde muito melhores. Somos também um dos países que mais tem reduzido a taxa de mortalidade infantil.
    E a classe média que surgiu nos últimos anos não se deve apenas ao bolsa família, mas também ao aumento da renda real (acredite, já foi muito pior) e a redução do desemprego.
    Ao governo, cabem muitas críticas, mas certamente não se pode dizer que houve piora dos serviços públicos.
    Já a afirmação de que mulheres pobres passam a ter mais filhos para receber mais bolsa família, baseia-se mais em análise preconceituosa, do que um conhecimento da realidade das famílias que recebem o bolsa família.
    Portanto, Ney repete apenas o senso comum sobre a situação do Brasil. Talvez porque, tudo que sabe sobre pobreza, serviços públicos, bolsa família, conheceu através da mídia, já que não é pobre e parece não se interessar em aprofundar no entendimento dos problemas sociais do Brasil.

    • Moisés, tens razão em dizer que a saúdeatualmente é melhor que na década de 50, pois abrangeu os que antes não tinham direito (não contribuiam), mas a melhoria deveu-se basicamente a política do SUS, que foi da década de 80. Ou seja, pré PSDB e pré PT. E a redução dos índices de mortalidade seja infantil ou seja por doenças básicas deveu-se aos avanços técnicos-científicos mundiais. Ou seja, independente se A ou B estivesse no poder isso ocorreria igualmente. A questão é que infelizmente apesar de tudo isso a saúde piorou em qualidade de prestaçao, mesmo com sua maior abrangência populacional, devido aos baixos investimentos em infra-estrutura e educação. Essa então é melhor nem falar. Se pensarmos em períodos não muito longíquos (20-30 anos atrás), a educação pública era melhor que a maior parte das privadas. Estudava-se em colegio publico e conseguoa-se ingressar em boas universidades e publicas, sem nenhum tipo de dicotpmizaçao como se vê com as cotas. Tudo o que se cria hj acaba por beneficiar grupos minoritarios. Isso é justiça para corrigir os erros de um passado nebuloso?! Acho que correçao é educaçao e saude publica de alta qualidade, o que certamente promoveria melhoriad na qualidade de vida e nas oportunidades para todos. Em relação ao que o Ney disse das pessoas terem filhos com intençao de receberem algum tipo de auxilio do governo não é irreal….infelizmente!! Trabalhei por quase 1 década em maternidade publica de atendimento especializado às mães adolescentes e jovens, e o que via muotas vezes eram meninas de 17, 18 anos já no segundo-terceiro filho, e quando recebiam aconselhamento para controle de natalidade diziam que o governo as ajudariam. É triste, mas é real de que as bolsas para mim perpetuam a pobreza. Há um ditado chinês que diz que ” não se deve dar o peixe, pois esse será comido e acabará. Deve-se ensinar a pescar, para que o peixe nunca falte”. E no Brasil estão dando o peixe, mas o dia que ele acabar tudo irá virar o caos de verdade!

  19. Nem sempre artistas são pessoas politizadas. Gosto mais da opinião dos mais simples. Estes falam com o coração. Não jogam para platéia. Acho que Ney está mais para um “Bolsonaro” da política brasileira.

  20. Quanto ao bolsa família ele está equivocado. O bolsa família precisa ser mais fiscalizado,porém não podemos desqualifica-lo o programa como assistencialismo.

  21. Tá, agora o cara não pode criticar o PT que já é rotulado como direitista? O PT é uma instituição soberana e incontestável agora? Ah, vá a m… Por favor!

  22. qual é a evolução do patrimônio pessoal do ex presidente? Afinal, se nos últimos 30 anos ele sobreviveu somente com salários oriundos de cargos eletivos, não é imoral fazer esta pergunta.

  23. Temos que ser críticos e exigir mais, muito mais de nossos governantes. Afinal somos nós que pagamos a conta. Ser atendido no Sírio Libanês e dizer que o SUS faz o melhor serviço de saúde do mundo e depochar da cara de quem leva este mais nas costas, o povo brasileiro. Quero ver o senhor pegar uma senha de atendimento no hospital do Promorar, em Teresina PI. Se você concorda que temos um serviço descente de saúde no Brasil, então você não está falando do SUS.

  24. Engraçado que os que criticam o assistencialismo do governo com pobre, fica calado quando banqueiros, ruralistas, artistas e construtoras recebem rios de dinheiro em ajuda estatal, quando é gasto 70 reais para alimentar um miserável que se não fosse pelas bolsas morreria de fome esses energúmenos vomitam seus preconceitos, é de uma calhordice e desonestidade de causar vergonha alheia, gente que vive em uma bolha, e só sabe o que acontece fora porque leu no jornal ou na revista e não se preocupa em conhecer a realidade do país que vivem.

  25. Perdeu todo o meu respeito(Não que valha alguma coisa, pra ele). Não há saída, ou melhor não há uma solução para as injustiças sociais que não a política. Se faz necessário que as lideranças, entre elas os artistas, se “politizem”, entendam que, ainda que cruel, a política é o melhor, quiça, o único, caminho para uma sociedade mais igualitária, justa, descente e acolhedora.

  26. O que seria novo para o Brasil, o PSDB e suas 60 CPI’s enterradas em São Paulo ou o PSB que até ontem pegava carona no PT. Esse ódio contra o PT é ódio de classe e fomentado pela imprensa golpista. Parabéns Mino.

    Só para lembrar: este “artista” é filho de general conspirador da ditadura.

    • É isso aí Roberto.

      Sempre fui eleitor do PT,cheguei até ser filiado uma época e também me decepcionei com algumas práticas do partido.Mas fica a pergunta:que partido fez um governo melhor que o PT?Nenhum!O Brasil está muito melhor hoje do que em 2003.Isso é um fato,corroborado por todos os indicadores sociais e econômicos.

      Com certeza absoluta o PSDB não é alternativa se quisermos um país melhor para a maioria da população e o PSB idem,com seu programa mais neoliberal do que os tucanos.

  27. Gente….não acredito que o NMG está assim tão DESINFORMADO.

    Ele repete o discurso de quem é contra o governo Lula/Dilma.

    Quando ele fala do hospital percebe-se que não sabe que o governo federal

    manda os recursos…quem tem que resolver são os prefeitos e governadores.

    Não da para comentar está tudo distorcido…inventado….

    E a raiva que está na voz dele….porque ele não se coloca dessa forma no

    Programa Sem Censura?

    Estou pasma….ele só sabe repetir o que diz a mídia que quer ver o governo do

    povo fora para que volte a elite que sempre pisou e esmagou o povo.

  28. Concordo com algumas críticas feitas pelo Ney. Só não consigo entender esse sentimento que reina na população em geral de que “antigamente era melhor”. Quando que no Brasil houve serviço público de qualidade?

  29. Ney tem TODA razão. O PT fez algo, mas fez muito pouco. O Bolsa-Família foi importante, mas falta evolução. Por que temos que nos contentar com tão pouco? O País está o caos, os investimentos gigantescos para a Copa resultaram somente em estádios mal acabados e superfaturados, educação e saúde à míngua, nenhuma reforma estrutural significativa. O PT se transformou em partido de caciques, com seus apaniguados, exatamente igual aos demais. Seus dirigentes se afeiçoaram às regalias que a inacreditável soma de tributos concede à máquina do Executivo e usam de fórmulas gastas pra justificar mais 4 anos no poder. Esperemos que os desesperados há gerações tenham suficiente auto-estima para promover mudanças.

    • O pouco que você diz que o PT fez foi muito mais do que os governos anteriores.

      No mais concordo com suas críticas aos gastos para a Copa.De fato é um absurdo que se gastem bilhões em estádios de futebol.

      • Os gastos com estádios para a Copa foram de 8 bilhões, e mais 9,6 estão sendo gastos em obras como mobilidade urbana e outras, coisas necessárias e que vieram para melhorar a qualidade de vida do povo onde foram instaladas. Somente a Copa das Confederações injetou 8,9 bilhões no PIB brasileiro, ou seja, os estádios já foram pagos. As estimativas dos gastos dos estrangeiros que vierem ao Brasil assistir a Copa do Mundo giram em torno de 30 bilhões. É uma baita injeção voluntária de recursos para o País, que não precisa ir a banco nenhum tomar dinheiro emprestado a sabe-lá qual taxa de juros.
        A Copa é um ótimo negócio para quem sabe fazer negócios. A Inglaterra a quer novamente, e os EUA também. Por estes dias, Obama mandou uma carta para a Fifa candidatando seu país a 2018 ou 2022. Até o Qatar, um emirado em que para se jogar uma simples pelada, contrata-se estrangeiros para completar os times, está na luta para sediar a Copa de 2018.
        Conclusão, vai ter Copa!

  30. Carta Capital: Um veículo de comunicação IMPARCIAL comprometido com o povo e com a qualidade da informação ou um instrumento, informativo e veículo de defesa do PT?

    Tudo o que o Ney falou é verdade. O PT criticou tanto o governo FHC e o que fez de diferente? E as privatizações duramente criticadas por Lula? Mudaram de ideia? Mandem a Dilma ir se tratar no SUS, manda ela andar de ônibus, trem e metrô… Executivos da Carta Capital, venham utilizar os serviços públicos no país, vamos dar uma volta de trem ou metrô às 7 da manhã ou às 18h… Depois que vocês sentirem na pele o que nós sofremos todos os dias aí sim vocês vão entender o que está sendo criticado. Não reduzam a fala do Ney simplesmente à crítica ao Bolsa Família, ampliem a discussão, vejam os comentários postados aqui e vão perceber o quanto nós brasileiros estamos insatisfeitos. Eu era eleitor do PT, conheci de perto muitos figurões e vi que o discurso é totalmente o oposto da prática. O PT que sempre criticou os outros governos agora se ofende quando é criticado? Reage de forma histérica e se ofende com tudo o que contraria os caprichos do governo Petista? Sejam menos parciais. Afinal, gostaria que vocês me dessem essa resposta: O que é a Carta Capital? Veículo de Imprensa livre, isento de influência partidária ou uma extensão dos ideais Petistas? Instrumento de defesa do governo do PT?

  31. É uma pena, mas o Ney está mal informado. O aumento no bolsa família é de 10% e não de R$ 10. As famílias que recebem o benefício devem atender à condicionalidades bem específicas, tais como a presença escolar dos filhos, o acompanhamento nutricional das crianças, o pré natal em casos de gravidez. Para se criticar algo, é preciso conhecer o assunto! É muito triste ver um artista do nível e talento do Ney Matogrosso repetindo discurso de internet, sem fundamentação consistente. Criticar políticas sociais e bolsas virou chavão no Brasil, uma espécie de domínio público. É mais fácil ser levado pela correnteza do que nadar até os confins da periferia para conhecer uma família beneficiada. É mais fácil sintonizar o discurso do que ler cuidadosamente a lei 10.836/04.

  32. Não vi nada de mentiroso no que o Ney disse. Por exemplo, na Teoria o Bolsa-Família é uma coisa, mas é outra na prática. Ney só disse a verdade, principalmente quando se referiu ao PT.

    • Não é não filha! No mês de abril a filha da minha empregada doméstica teve cortada a parte do BF referente ao filho adolescente porque ele não comprovou frequencia às aulas de no mínimo 75%. Ele havia deixado de ir em fevereiro e já em abril ela recebeu a informação e o corte. Ele prometeu voltar, depois de levar um esporro da mãe que é faxineira e luta sozinha para criar seus dois filhos. A quantidade de comentaristas aqui que conhece a realidade “de ouvido” é constrangedora. Se não sabe, o melhor é ficar bem quietinho.

      • Lindo e importante depoimento, Néia, obrigado. Faço minhas as suas palavras: a quantidade de comentaristas (passivo-agressivos) que conhece a realidade de ouvido é comstrangwdora.

        O bom é que esse é um tipo de ignorância grosseira que o Bolsa Familia, o Peouni, as coras, o Mais Médicos etc. etc. vão exterminar em menos de uma geração.

        E ninguém vai morrer por causa disso. No campo da educação, o que tá morrendo não são pessoas – é a burrice, a ignorância, a preguiça, a falta de vontade de estudar e se informar.

  33. Vergonhoso Ney… Que pessoa desinformada e irresponsável! Enfim, só no Brasil cantores são tidos como intelectuais. Nem todo bom artista tem algo bom a falar.

  34. Está não funcionou Carta Capital, e, lendo todas as linhas desta matéria percebi claramente que o autor não foi neutro e expôs o seu lado petista. A isto chamamos manipulação, é bom ver que o povo que lê a carta capital não caia neste tipo de cilada.

  35. A direita, e inclua tambem os brasileiros, concordam com pelo menos 90% do que Ney falou. Apenas os petistas sao contra, porque acham que o Brasil nao precisa mais melhorar, pois ja conseguiram o poder.

  36. O NEY NÃO ESCREVE BEM E QUANDO FALA SÓ DIZ BESTEIRA.
    ESSA ESTRELA ESTÁ CADENTE E FAZ DE TUDO PARA VOLTA A BRILHAR,
    CADENTE PROCURA LER MAIS SOBRE OS PROGRAMAS SOCIAIS VOLTADOS PARA OS VERDADEIROS BRASILEIROS, ESSA BOLSA FAMÍLIA ANTIGAMENTE ERA PARA OS RICOS DESFRUTAREM DO NOSSO DINHEIRO NA EUROPA E NA AMÉRICA DO NORTE. VEJA QUANTOS JOVENS POBRES ECONOMICAMENTE ESTÃO NUMA UNIVERSIDADE, HOJE TEMOS UM BRASIL MAIS JUSTO PARA OS BRASILEIROS.
    VOLTA A CANTAR PORQUE SOU HOMEM COM H E TANTAS OUTRAS LETRAS BOA QUE TU INTERPRETA DOS GRANDE COMPOSITORES QUE EXISTE NO BRASIL.

  37. Eu gostaria de ver uma análise científica da bolsa família. O Ney expressou seus sentimentos, todos justificáveis, mas seria bom ver uma análise baseada em fatos. Que tal um economista explicando o caminho que o dinheiro do bolsa família percorre. Eu não acredito que as mães de familia miseráveis desse pais deixem esse dinheiro debaixo do colchão ou que o apliquem no mercado financeiro especulativo. Esse dinheiro entea na cadeia produtiva e vai cair na conta dos empresário. Gostaria de estudos assim mais profundos que confirmasse ou nao esses meus sentimentos.

  38. É absolutamente compreensível e natural, que este representante da classe artística, identificando-se, com LOBÃO, o BOBÃO, e com ROGER, obscuro e medíocre roqueiro, dizia eu, sem negá-lo as qualidades de timbre e modulação vocal, porém cujo público, a lhe prestigiar, hoje, é maciçamente composto pelas senhoras já inscritas, no estatuto do idoso, é para lá que caminhamos, afinal, tenha essa visão tacanha, mequetrefe, distorcida, alienada, despolitizada e desinformada, ademais, a carregar o mantra do ” quanto pior melhor “. Mora bem, no Leblon, que, em 1971, eu lá habitava, era infinitamente mais asséptico, sofisticado e cult. Hoje, não passa de um amontoado de almofadinhas e Dandys, a venerar o próprio umbigo e, que, se, algum dia na vida subiram a escalada íngreme das favelas, foi, não duvidem, à procura de uma doméstica, como tão preciosamente interpretou DUSEK. Personagens como Matogrosso, deveriam se restringir à falar a essa publicações, encartadas em diários golpistas e reacionários, como o é, por sinal, O GLOBO, dos MARINHOS, já que eles não tem personalidade própria, são uma grife, aliás, um anátema. Ele, Matogrosso, o fez, em uma das edições, da revista do jornalão do velho Irineu, até nome de rua, revista, gratuitamente, chegada em minhas puras e éticas mãos. Eu combati, encarando Médici e Geisel, e continuo a fazê-lo, ante esses sátrapas, tartufos, dissimuladores, e pior, indo ao exterior, a proferir, desinformados e irresponsáveis, as sandices e as asneiras mais bizarras e ridículas, pois, alienados e desmiolados, como é o caso do verme que passeia na lua cheia, que além de cuspir no prato que comeu, quer a volta e o retorno, com esse discurso, do que há, aí sim, de mais pérfido e sombrio, aqueles, aliás, que, como vanguarda do atraso, criaram uma horda de excluídos, famintos, ignorantes e boçais. Claro, me refiro, aos gorilas fardados, golpistas e corruptos, a serviço, dos paulistas da FIESP, criadores da OBAN e da CONDOR, associados aos latifundiários especuladores e proxenetas da terra larga e generosa, onde até mesmo o tomate e o chuchu, foram responsabilizados pela inflação. Ele, o nosso hipócrita Mattogrosso, deveria se associar ao Bolsonaro e quetais, ou, caso houvesse uma máquina do tempo, viesse a ser recepcionado, pelo obscuro sargento da SS GESTAPO, sob comando de HEIRINCH HIMMLER, alcunhado, o carniçeiro de LYON, denominado KLAUS BARBIE. Recomendo à Ney, para que se ilustre um pouco mais e, evite o ridículo de declarações nitidamente manipuladas, assistindo o excelente documentário de MAX OPHÜLS, com duração de 04hs e 30minutos de projeção, a propósito da ocupação nazista de Paris. Barbie, o colocaria em um tonel de amônia e, então, vitrificado, Matogrosso se destinaria a compor as seções dos museus, próprias à estes elementos inusitados. Saudações Cordiais, do Planta do Deserto, a quem basta, tão somente, o orvalho do alvorecer… que , lamento, no entretanto, não poupará o imenso sofrimento da, já, então, fragilizada, debilitada e empobrecida, imensa maioria da população paulista, usada e abusada pelos cínicos, cretinos e tartufos, ao longo de vinte anos, os tucanos de plumagem sofisticada, à administrar desastrosamente a SABESP, o que se expressará, agora, com os níveis do sistema cantareira, já abaixo de 8,9%,na vazão do indispensável líquido, a apresentar-nos à tragédia da falta d’água, o que é, isto sim, caríssimo, Mr. Mattogrosso, de uma ignomínia e pusilanimidade, motivo, suficiente, para que tu viestes a falar longamente, em tom de denúncia, a nossos patrícios…

  39. É absolutamente compreensível e natural, que este representante da classe artística, identificando-se, com LOBÃO, o BOBÃO, e com ROGER, obscuro e medíocre roqueiro, dizia eu, sem negá-lo as qualidades de timbre e modulação vocal, porém cujo público, a lhe prestigiar, hoje, é maciçamente composto pelas senhoras já inscritas, no estatuto do idoso, é para lá que caminhamos, afinal, tenha essa visão tacanha, mequetrefe, distorcida, alienada, despolitizada e desinformada, ademais, a carregar o mantra do ” quanto pior melhor “. Mora bem, no Leblon, que, em 1971, eu lá habitava, era infinitamente mais asséptico, sofisticado e cult. Hoje, não passa de um amontoado de almofadinhas e Dandys, a venerar o próprio umbigo e, que, se, algum dia na vida subiram a escalada íngreme das favelas, foi, não duvidem, à procura de uma doméstica, como tão preciosamente interpretou DUSEK. Personagens como Matogrosso, deveriam se restringir à falar a essa publicações, encartadas em diários golpistas e reacionários, como o é, por sinal, O GLOBO, dos MARINHOS, já que eles não tem personalidade própria, são uma grife, aliás, um anátema. Ele, Matogrosso, o fez, em uma das edições, da revista do jornalão do velho Irineu, até nome de rua, revista, gratuitamente, chegada em minhas puras e éticas mãos. Eu combati, encarando Médici e Geisel, e continuo a fazê-lo, ante esses sátrapas, tartufos, dissimuladores, e pior, indo ao exterior, a proferir, desinformados e irresponsáveis, as sandices e as asneiras mais bizarras e ridículas, pois, alienados e desmiolados, como é o caso do verme que passeia na lua cheia, que além de cuspir no prato que comeu, quer a volta e o retorno, com esse discurso, do que há, aí sim, de mais pérfido e sombrio, aqueles, aliás, que, como vanguarda do atraso, criaram uma horda de excluídos, famintos, ignorantes e boçais. Claro, me refiro, aos gorilas fardados, golpistas e corruptos, a serviço, dos paulistas da FIESP, criadores da OBAN e da CONDOR, associados aos latifundiários especuladores e proxenetas da terra larga e generosa, onde até mesmo o tomate e o chuchu, foram responsabilizados pela inflação. Ele, o nosso hipócrita Mattogrosso, deveria se associar ao Bolsonaro e quetais, ou, caso houvesse uma máquina do tempo, viesse a ser recepcionado, pelo obscuro sargento da SS GESTAPO, sob comando de HEIRINCH HIMMLER, alcunhado, o carniçeiro de LYON, denominado KLAUS BARBIE. Recomendo à Ney, para que se ilustre um pouco mais e, evite o ridículo de declarações nitidamente manipuladas, assistindo o excelente documentário de MAX OPHÜLS, com duração de 04hs e 30minutos de projeção, a propósito da ocupação nazista de Paris. Barbie, o colocaria em um tonel de amônia e, então, vitrificado, Matogrosso se destinaria a compor as seções dos museus, próprias à estes elementos inusitados. Saudações Cordiais, do Planta do Deserto, a quem basta, tão somente, o orvalho do alvorecer… que , lamento, no entretanto, não poupará o imenso sofrimento da, já, então, fragilizada, debilitada e empobrecida, imensa maioria da população paulista, usada e abusada pelos cínicos, cretinos e tartufos, ao longo de vinte anos, os tucanos de plumagem sofisticada, à administrar desastrosamente a SABESP, o que se expressará, agora, com os níveis do sistema cantareira, já abaixo de 8,9%,na vazão do indispensável líquido, a apresentar-nos à tragédia da falta d’água, o que é, isto sim, caríssimo, Mr. Mattogrosso, de uma ignomínia e pusilanimidade, motivo, suficiente, para que tu viestes a falar longamente, em tom de denúncia, a nossos patrícios…

  40. Ney Matogrosso está certíssimo em tudo o que disse. O Brasil atual é governado por um partido altamente conivente com a corrupção, inepto, adepto do patrimonialismo (a nojenta mistura entre o público e o privado), intervencionista, populista, que pratica o assistencialismo com fins eleitorais, autoritário e que detesta a liberdade de imprensa. O Brasil se degrada a cada dia que passa.

  41. A única coisa errada que oi Ney disse, foi apenas está questão do bolsa família, no qual afirma que o programa não cobrava a obrigatoriedade da matrícula em alguma escola.
    Toda via, porém, o resto eu concordo.Apenas esses pessoal de esquerda acredita em um governo destes, que vem levando o país para um grande buraco. Sem educação, saúde, emprego de qualidade, infraestrutura, sem nenhum tipo de plano.

  42. Ney Mato Grosso tem a minha admiração, por tudo o que representa para a história da música brasileira. Isso o credencia a dizer coisas. Mas, como ninguém é perfeito, erra ao pensar como pensa. Copa do Mundo no Brasil tem significado de investimento, e não de gasto.

    A das Confederações, que ajudou a engordar nossa receita em mais de 9 bilhões de reais, é um exemplo do que falo, e há uma expectativa de que a do mundo traga mais de três vezes essa cifra.
    Ao contrário do que ele diz (e a maior parte dos comentários aqui infelizmente reforçam), os estádios não têm sido construídos com dinheiro público. Empresas particulares, tomando empréstimos com o BNDES, é que estão erguendo as arenas para o campeonato.

    Além disso, a Copa não trará benefícios para o Brasil. Ela já trouxe…! Empregabilidade, capacitação de profissionais advindos das classes menos favorecidas, aquecimento na economia, urbanização não só do entorno, mas das cidades que sediarão a competição são apenas alguns exemplos.

    O que o Mato Grosso não poderia é falar daquilo que desconhece. Exemplo disso está no assunto Bolsa Família, programa imitado até mesmo por países de ponta, porque aqui conseguiu retirar da extrema pobreza mais de 40 milhões de brasileiros. Como iluminador de seus próprios espetáculos, deveria encontrar uma luz que lhe guiasse, ao expor seu ponto de vista sobre algo que pouco conhece.

  43. Olhe o que diz Delfim Neto, logo ele, sobre o “Bolsa Família, o que o governo fez foi simplesmente corrigir a inflação, o que é absolutamente justo. Não é nenhum pecado capital: não existe no mundo um programa mais eficiente de redução da pobreza do que o brasileiro e a prova disso é que está sendo imitado em vários países. Já citei antes, como exemplo, a presença no Brasil do candidato de oposição nas eleições presidenciais do Egito, que trouxe seus assessores para estudar o nosso programa. O Bolsa Família é um sistema que dá liberdade à mulher, ajuda a mãe de família, mas cobra a obrigatoriedade de que ela cuide da educação e mantenha o filho na escola. Então, essas coisas não têm nada de “gastança irresponsável” ou “contaminação eleitoral”, embora, obviamente, tenham efeito nas eleições”.NEI MATOGROSSO E OUTROS ARTISTAS E PESSOAS DEVERIAM BUSCAR OUTRAS FONTES PARA SE INFORMAREM, ALÉM DOS JORNALISTAS DA GRANDE MÍDIA TRADICIONAL. Não que não devemos ser críticos ao PT, devemos ser, ams deveríamos ter mais embasamento e profundidade e não ficar só repetindo como papagaio de pirata, virou moda bater só e no PT. Então vamos lá, temos eleição este ano, vamos votar nos ideias do neoliberalismo, VCs SABEM QUAIS OS PRINCÍPIOS DO NEOLIBERALISMO? Eu gosto de ler os economista de cada candidato aí sim tenho uma ideia do será de fato cada governo. Infelizmente só temos duas opções Neoliberalismo c Desenvolvimentismo, com qual vc fica???

  44. Pensando em tudo que estamos passando enquanto brasileiros, ver esse vídeo me desperta uma esperança grande de que a mudança talvez esteja há caminho. Para diminuir bastante minha empolgação e despertar em mim a total revolta, leio um texto tão ridículo por parte desse site, que se posiciona de forma elitista, governista… Isso é vergonhoso!
    Acho que deviam estudar um pouco mais sobre as causas de tudo que vem acontecendo e sobre como esse ocorrido repercutiu, anteriormente, nos outros países pelos quais a copa passou.
    Vivemos à priori de um governo fascista, ditador, que ilude o povo, o tempo todo, com falsas políticas, que não resolvem em nada as crises que temos aqui dentro. Medidas paliativas são implementadas a todo momento, enquanto a verba que devia ser usada para resolver esses problemas em suas bases, é utilizado na construção de estádios monumentais para a copa.
    1/3 do que trabalhamos no ano é destinado para pagar impostos, que não são revertidos para melhoria dos serviços públicos. Aproximadamente 10% do que pagamos em imposto é dirigido para questões internas do Brasil. O restante é encaminhado para o exterior, no intuito de saldar dívidas insolúveis.
    Vocês acham mesmo que esse governo nos contempla? Vídeos como o de Ney Matogrosso devem sim servir para instalar crises quanto a o que queremos enquanto governo. A cada dia que passa tenho mais certeza de que não existe candidato capaz de reverter essa situação. A mudança positiva só virá com a revolução, que só ocorrerá através da politização do povo, que é feita através de vídeos como esse.

  45. (ai, ai, ai… tenho que parar de acessar esse tipo de blog. os comentários pseudopolitizados estão me dando gastrite.)
    Taqueopariu!!! “Não dê esmola, dê trabalho digno”… Dê quem, meus senhores? Quem vai dar? A iniciativa privada, que chama os empregados de custo e os corta aos montes, ao primeiro franzir de cenho de uma cartomante? As patroas que não querem nem pagar o mínimo para as “ingratas” que elas tratam “como se fosse da família”? Ou o governo, para vcs dizerem que ele gasta demais e está comprando votos em escala industrial?

  46. Não vejo nenhum artista estrangeiro detonar seu próprio país em entrevistas no exterior.
    Isso parece ser cacoete de vira-latas como esse Ney, FHCanalha e Arrocho Neves.
    Estão mandando o seguinte recado para os estrangeiros: não venham ao nosso país, não tragam suas divisas, seus investimentos, aqui é um lixão, ninguém presta, é o pior lugar do mundo, afastem-se daqui!
    É um tiro no pé. E ainda tem amestrado que aplaude.
    Roupa suja se lava em casa.

  47. Ele não disse nada demais, apenas relatou fatos daquilo que acontece desde 1.500, nada de direita nem de esquerda.]
    Apenas uma constatação, de que o país não tem prioridades claras. É sempre programas pró partidos, e nunca pró brasil.
    Todos os partidos sem exceção, estão interligados de uma forma ou de outra, são todos iguais.

  48. Eduardo Nunomura, é lamentável ver um comentarista de sua envergadura tentando desmerecer a entrevista do Ney, apenas por alguns equívocos técnicos sobre o bolsa família, quando que no contexto geral ele representa a revolta social vigente no Brasil de hoje, comenta sobre esse programa de manutenção a pobreza intelectual e de espírito, quando podíamos, com sobra, estar fazendo muito mais por nossa gente. Se oferecemos nossa república de quatro para a FIFA, porque a deixamos proporcionar tão pouco aos brasileiros ? A grande questão não é a de ajudar ou não o povo com essa miséria oferecida pelo governo, é a cobrança por algo melhor, com projeção de progresso, que proporcione a extinção da miséria por méritos, que ofereça condições dignas para que o brasileiro a partir daí tenha condições para questionar seus representantes como fez Ney Matogrosso, ao invés de se acomodar e contribuir para uma democracia de oprimidos.

  49. Pergunto por que dizer “inverdades”? Por que não dizer “mentiras”? Detesto colunista que não tem coragem de dizer de forma o que pensa sem contornar para suavizar.

  50. O que o Ney diz é apenas verdade. Nosso País está um lixo, bom, sempre foi, mas agora está pior. A Desonestidade sempre foi um predicado dos Políticos de nosso País. Gostei e assino embaixo do que ele diz. Temos de botar a boca no trombone e acabar com essa escória que domina o Poder!

  51. Aahhh português.. Você está surpreso?
    Eu que estou surpreso de que parta da população miserável não está mais na miséria e sim na classe média. Estou surpreso porque eu não os vejo. Não vejo porque não existe.
    A imagem do Brasil está maquiada lá fora.
    Não vi inverdades nas declarações do Ney Matogrosso. Muito pelo contrário.
    Esse blogueiro está muito satisfeito com a situação do pais. Faça o favor.

  52. “Democracia é importante, mas se o artista está falando mal do meu partido querido é sinal de que ele está preocupado apenas com o próprio umbigo”. Texto bem ruinzinho, hein? E mentiroso.
    A começar pelo título, dizendo que Ney Matogrosso tem ÓDIO à política. Então se a pessoa não é a favor do PT significa necessariamente que ela odeia política? Que difamador. No conteúdo diz que o que Ney Matogrosso falou foram INVERDADES, e citou apenas uma que foi o caso do Bolsa Família, porém, sem dizer “ele mentiu X, e a verdade é Y” – disse apenas “ele mentiu X, logo, é um desinformado”. Já que ele é desinformado e disse uma mentira, diga-nos blogueiro, qual a verdade então?
    São poucos que ainda caem nessa laia de que o PT é bonzinho, só idiotas úteis ou comunistas mau caráter que manipulam os idiotas úteis sonhando com um mundo melhor (até aí, válido) crentes de que o PT encontrou a fórmu´la. Não sei em qual dos dois pólos você está, blogueiro, mas tenho pena.

  53. Uma pena ver algumas pessoas repetirem os mantras de Veja.
    Os ganhos do país em 12 anos – enquanto o planeta está em crise – são incontestáveis. Incontestáveis.
    Agora, isso não quer dizer que o governo não possa ser criticado. Deve.
    Só fica meio bizonho ver as pessoas fazerem críticas rasas e/ou maldosas. É uma coisa que fica muito evidente, quando alguém está pouco informado e arrotando bobagens.

  54. Uma entrevista encomendada, típica de “resposta” a entrevista do Lula. Ney foi pouco original, tipico papagaio de pirata. Quais são suas idéias a respeito dos problemas nacionais? Zero. Que soluções apresentou para a solução dos grandes problemas nacionais? Zero. Ser contra os pobres – ou melhor, contra as migalhas atiradas a estes, é fácil, difícil, é pensar em acabar com supérfluos – na verdade, privilégios – dos ricos. Como interprete um grande artista, como analista, uma grande preguiça. Melhor continuar cantor. Aliás, filho de militar atuante na ditadura, que esperar dele? Nada. Nada. Nada.

    • Concordo, Darcy. Ney demonstrou ser um “alienado” e um péssimo analista da realidade brasileira. Não têm profundidade alguma suas arguições… os seus argumentos “deslizam” na superficialidade da mediocridade. Além do mais, “melar” a imagem do país no exterior… Ao ser questionado sobre avanços sociais, se engasgou. É uma merda ver que artistas do poste dele utilizam a visão pessimista de facções midiáticas que representam o pensamento carcomida de uma elite atrasada louca para voltar ao poder e promover o retrocesso das classes historicamente marginalizadas de conquistas sociais.

  55. Reproduziu o que as revistinhas e jornaizinhos martelam. Errou duas vezes ao falar sobre o Bolsa Família. Toda criança beneficiária do programa deve estar matriculada. Se faltar, o benefício é suspenso. Portanto, o objetivo do programa é manter a criança na escola. Errou quando disse que haverá um aumento de R$ 10,00 quando, na verdade, foi de 10%.

    Criticou o Sistema Único, atribuiu a responsabilidade ao Governo Federal quando citou o padrão Fifa. É mais um papagaio midiático. Sabe por que as pessoas vivem sofrendo nos hospitais e unidades de saúde? Porque governadores e prefeitos vivem desviando os recursos públicos enviados pelo Governo Federal. Da mesma forma acontece com a educação. Por que essas pessoas, em ano eleitoral, que demonizam tanto o PT não vão às ruas cobrarem dos governadores e dos prefeitos os recursos enviados todos os meses para a saúde e educação? Por que não cobram dos MP’s?

    Por que ele não falou no Minha Casa Minha Vida? No Ciências sem fronteiras, no Pronatec, nos mais de 20 milhões de empregos gerados desde 2002, nas construções navais, no Enem, no único pais do mundo que superou a crise ecônomica que se iniciou em 2008…

    Quanto a violência, temos um código penal capenga e governadores que não investem nas polícias. Prefeitos que não se importam com as populações de seus municípios, gerando pobreza, miséria…

    Portanto, não merece crédito.
    É mais um discurso hipócrita, ideológico, politiqueiro.

    • Se culpa não é do governo federal e sim dos governos estaduais e municipais que fazem mal uso das verbas liberadas pelo governo federal, e já que o PT é tão honesto assim, o que justifica quando o problema é pior nos estados e cidades administradas pelo PT???? Osasco apresenta o pior sistema público de saúde na grande São Paulo, e é administrada pelo PT. O transporte público vai de mal a pior, os hospitais super lotados e sem atendimento, minha mãe está há 09 meses esperando por uma consulta pelo SUS e a Secretaria de Saúde da Cidade de Osasco pouco se importa quando os cidadãos vão reclamar. Será que um complô contra o PT falar as verdades que estão acontecendo neste país????? Gente, parem de ficar batendo na tecla do bolsa família e abram os olhos para a realidade. O bolsa família pode ser sim um programa necessário, porém da forma que está é ineficiente. O Ney não falou apenas de bolsa família, ele fala de uma realidade geral no Brasil, e quer saber??? Ele é muito mais esclarecido, lúcido, consciente e coerente do que todos os Petistas juntos.

  56. Ney eh somente mais um brasileiro que tem direito a expressar a opiniao, pois eh livre, e a dele vale o mesmo tanto como a de qualquer outro brasileiro. Nao adianta ficar aqui discutindo. Nestas proximas eleicoes serao os Brasileiros contra os Petistas. Uma disputa entre uma mudanca para um Brasil melhor ou a permanencia dos mesmos no Poder e acumulacao riquezas.

  57. Todo mundo tem direito a vida… td mundo tem direito igual… Não está uma maravilha o Brasil, e nenhum país do mundo: o Ney é bom músico e tudo, mas a grana às vezes fala mais alto no meio artístico, Natura tem a ver com Marina e Eduardo Campos, mas também com a Lei Roaunet – que beneficiou esse senhor com dinheiro nosso (BOLSA MILIONÁRIA) da renúncia fiscal da Natura – Dinheiro igual ao que vai para a bolsa família – porque ele não disse isso também? http://www.naturamusical.com.br/ney-matogrosso-pede-passagem

  58. Caríssimo Pedro Alexandre Sanches, parabenizo-o, pelo excelente conteúdo do site, que, embora, acompanhe carta capital, a ele, ainda, não havia sido ainda apresentado, descuido meu, sempre a priorizar os discursos de cunho político-ideológicos,particularmente,em ano eleitoral. A xaropada do Mato Grosso, fortuitamente, propiciou então, a descoberta do farofafa, brasileiríssimo, acentuando a importância cultural e insistindo junto aos colonizados, para que abandonem os comportamentais mãos de penugem, daquele hemisfério norte, sem dúvida, festa para focas e pinguins, mas, que, curiosamente, baila, incontinenti, ao ouvir, ” Garota de Ipanema “. Lá, sem medo de errar, ” O Mississsippi ” , New Orleans, é o chamego. Agora, essa do Zimbo Trio, é puta levitação do agora Santo, Anchieta , José do Brasil, filme, a que tive o prazer de realizar, como assistente de direção de Paulo César Saraceni, para, junto aos atores, estimular o exercício do texto, repassando o roteiro. Saudações do Planta do Deserto, a quem, basta, tão somente, o orvalho do alvorecer… Voce veja que o Noel está sempre a nós espreitar!

  59. enquanto a elite do petê, para se perpetuar no poder inventa um guerra de classes (criaram uma cartilha para os imbecis repetirem que a culpa de tudo é do FHC, dos EUA, dos brancos, das elites), enquanto isso, o PT nada fiz para criar um novo código penal. Enquanto “as elites do petÊ” bebem uísque 14 anos, o povo convive com 50 mil homicídios/ano. Fica a dica: FORA PT.

  60. É muito triste, ver um cara como o Ney falar tanta asneira, as bolsas são copiadas nos EUA e muitos países ´para tirarem as pessoas da pobreza, Não é o PT que confirma isso, é a FAO e outros braços da ONU e outras internacionais reconheceram o valor do programa brasileiro de transferência de renda, o Ney não ler, somente escuta o que há de pior e sem crédito, ou seja, a mídia dinossauro do Brasil , usa do artifício da pseudo inteligência para detonar o País, é um exercício de burrice achar que alguém em sã consciência vai levar um cara desses a sério, é normal no Brasil quando não se faz mais sucesso sair do armário ou coisa parecida, mas como o Ney nunca precisou de armário usa a verborragia para alguém o perceber como um intelectual, porém não, é todos sabem. A saúde pode não esta como a de que paga plano de saúde caro, más falar que as pessoas são jogadas em paninho no chão é mentira, nunca pensaria que o Ney usaria o artifício da mentira para se auto promover. aliás que o diga seu parceiro no secos e molhados, é ´só perguntar porque o João Ricardo saiu grupo falando aquelas coisas do Ney e encontrarão a resposta.Quando o assistimos essa entrevista vemos como a sujeira e a mente de escravos globais fazem questão diuturnamente de fazer crer que o povo brasileiro é o pior povo do mundo e que o Brasil é o pior país do mundo, o interessante é que esse povo ganha uma dinheirama no Brasil, para suprir todos os vícios e virtudes, porém o Brasil não presta. é muita falta de inteligência é muita falta do que falar o Ney é até um artista bonzinho requebrava muito bem, más com essa perdeu o rebolado, o Brasil é legal e bom para viver, se não gosta de Futebol compre um bambolê e vai brincar na hora dos jogos.

  61. Vocês centraram a crítica à entrevista de Ney apenas (por uma estratégia partidária desleal?) na imprecisão da descrição dele sobre o programa assistencial(ista) em questão: na verdade, todo o CONTEXTO da fala dele aponta para uma REALIDADE inegável de que, o que se verifica neste momento do pais, é, de um lado, um relativo aumento do CONSUM(ISM)O – com um concomitante incremento do endividamento dos cidadãos com instituições financeiras -, por parte de algumas frações de grupos sociais que até então estavam fora do circuito de produção e reprodução do capitalismo e, por outro lado, verifica-se que este acesso ao CONSUM(ISM)O recai, marcadamente, sobre bens de consumo descartáveis – tais como eletroeletrônicos, móveis e automóveis – ou seja, não há uma ampliação do consumo (acesso) a serviços básicos de qualidade, tais como transportes públicos, sistemas de saúde e educação básica. E, quanto à ampliação do acesso ao ensino superior, eu acrescento, o que se verifica é um “aligeiramento” dos cursos e um “inchaço” de instituições mal estruturadas, de modo a abrir mais vagas para grupos de estudantes que, por não terem uma boa base, constituem-se em uma futura mão-de-obra barata e semiqualifcada, para serem melhor explorados pelo empresariado (sem falar no endividamento desses estudantes “bolsistas” com o setor financeiro, agenciado pelo governo). Ou seja: mero “azeitamento” aligeirado da economia capitalista, para viabilizar um maior aumento dos lucros por parte de bancos e indústrias: nada que o PSDB, com algumas diferenças, claro, não se proponha a fazer também (lembremos que o Bolsa Família nada mais é do que um “aperfeiçoamento” de alguns programas do governo de Fernando Henrique Cardoso). Um jornalista argentino que conviveu com os Zapatistas, no México, escreveu análises denunciando estes tipos de programas assistencialistas, no México, como sendo parte de uma estratégia internacional para desviar as camadas mais pobres das possíveis lutas anticapitalistas (segundo ele, muitos integrantes de comunidades zapatistas saíram das comunidades seduzidos pelo consum(ism)o que as “bolsas” do governo propiciavam). A pretexto do que me disseram da última vez que intervi em um debate político provocado pela “net”, esclareço que não sou de nenhuma torcida organizada de partidos políticos (muito pelo contrário) e que, portanto, não cabe me acusar de ser conservador e/ou reacionário, pois, pelo que estou demonstrando aqui, esses epítetos apenas se aplicam, de forma coerente, à tod@s @s que, pela direita, pelo centro, ou pela “esquerda”, colaboram com este jogo de manutenção de um sistema que, pela violência gerada pela opressão hierárquica, e pelo esgotamento dos recursos naturais consequente à produção e o consumo em massa, está em vias de destruir o próprio planeta!

  62. QUERENDO OU NÃO… ESTA É A DURA REALIDADE QUE IMPERA NO BRASIL, INDEPENDENTEMENTE DE IDEOLOGIAS. QUE DEUS TENHA MISERICÓRDIA DE TODOS NÓS.

  63. essa maldita patrulha facista do petê, que agem como cães contra aqueles que manifestam um direito republicano de criticar o governo, seja lá qual for….FORA P T

  64. se o ex presidente ocupou somente cargos eletivos nos ultimos 30 anos, com salários divulgados publicamente, não é imoral perguntar qual é a evolução do patrimônio pessoal dele.QUAL É A EVOLUÇÃO DO PATRIMÔNIO PESSOAL DO EX PRESIDENTE????? RESPONDAM, CACHORROS MILITANTES.

  65. É claro que ele disse algumas “inverdades” sobre o funcionamento do programa social, mas acho equivocado a posição da esquerda de criticar as posições do Ney de forma geral por causa disso. Outras verdades ditas por ele foram muito mais importantes do que tecnicalidades do Bolsa Família. Aliás, não se diz muito a respeito de como o governo tem o controle de quem tem os filhos matriculados ou não e, mais importante que isso, se efetivamente as crianças vão às escolas; E como são essas escolas? Por acaso Ney mentiu ao dizer que a educação pública é vergonhosa? Ney mentiu ao dizer que o transporte público é horroroso? Ney menti ao dizer que pessoas são deixadas no chão em hospitais públicos? Acho que temos que tomar cuidado com o pensamento segundo o qual tudo está melhorando apenas por termos um governo de um partido que se autodenomina de esquerda. Não se acomodem, não parem de demandar melhorias e, acima de tudo,. não se enganem. Ney pode não ser o mais bem informado para falar da situação sócio-política do país, mas certamente ele não está do lado oposto a quem quer um Brasil socialmente justo.

  66. Eu amo o meu país mas isso não é razão para não apontar o dedo, fazer críticas se elas forem verdadeiras ou consistentes.
    Concordo com tudo que o Ney Mato Grosso disse. Não dá para ser conivente com coisa errada e o mundo precisa saber o que é o Brasil.

  67. Quando os pais estava quebrado , matando e torturando gente, a copa era tudo, para a mida. Só que realmente o pais estava ruim. Agora o pais esta melhor . Agora que a copa vai favorecer a pais e os pobres , gerando emprego, até através d empreiteiras. Agora copa ñ presta. Na minha opinião Agora que a copa presta. Logo essa pessoal não é contra a copa ,mas é contra o governo trabalhista no poder, contra o Pt e contra o povo.
    Isso é o mesmo caso da politica o Fch privatizou, comprou a reeleição, e fui tudo engavetado, inclusive todas as cpis aqui em sp. Quando o Pt pensa em algo, que favorece o povo, é cpi , é o stf coxinhas , que faz o jogo da elite burra. Logo até isso Pt tem o seu favor, esta tudo investigado.
    Isso me lembrar o caso da cpfm,o único imposto realmente justo, progressivo que pegava os ricos, a mídia mentirosa junto com a elite podre derrubaram. Ferro só os pobres e favoreceu os ricos.
    Li aqui uns coxinhas dizendo que o Lula mente, então será a folha, o estadão a Globo a veja que fala a verdade ? Camo luta esta mentindo ? Esta claro foi criado um exercito de consumidores que hj compram carro, usam avião, dobrou a população universitária. Isso é fato.
    Da para desconfiar de uns comentaristas aqui, me parecem profissional, pagos
    Quanto aos comentários deste cantores, tipo roger, Caetano, lobão… Na minha opinião a eles interessam a ignorância do povo, se os brasileiros fossem um pouco mais cultos, esses caras estariam na lata do lixo. Para mim esse grosso que fez esse comentário só sabe rebolar mesmo, outro teleguiado.

    • O ex presidente lula não é só mentiroso , ele é mentiroso e picareta da pior espécie de politico possivel e só um desinformado sem noção defende ele e seu partido de aproveitadores, não estou comparando o pt a nenhum partido pois nenhum partido existente nesse sistema politico de m* me representa .

  68. Só vejo aqui pessoas que estão postando a troco de pão com mortadela que o PT dá para quem fala bem desse partido de merda….

  69. No Brasil é comum as pessoas confundirem FAMOSOS com CELEBRIDADES, Ney Mato Grosso é famoso, mas não é uma CELEBRIDADE, afinal de contas ele nunca teve uma atitude publica CELEBRE, então vamos combinar uma coisa, vamos nos importar apenas com as falas das CELEBRIDADES.

  70. o PT vai ter muito prejuízo ainda enquanto ficar surdo para as legítimas demandas da população e continuar atendendo as imposições do capital padrão FIFA.precisamos retomar a agenda progressista e democrática imediatamente a começar pela democratização das comunicações no Brasil, reforma política, reforma urbana, reforma agraria, redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais, fim do famigerado fator previdenciário, fim da PLL terceirização que precariza os direitos dos trabalhadores, taxação pesada das grandes fortunas e envios de lucros pra o exterior, etc,etc…

  71. Nada contra o Ney. Acho que sempre fez um excelente trabalho. Faz parte de nossa cultura e tem muita qualidade. Mas, Infelizmente não demostrou a mínima condição e entendimento sobre a realidade de seu país.
    Suas posições estão baseadas somente naquilo que costuma ver no cotidiano dos telejornais. Seus posicionamentos são equivocados e lotados de contradições.
    De fato citou exemplos recentes de nossos problemas, mas com uma visão extremamente burguesa. Não soube contextualizar o que disse. Não conseguiu comparar conjunturas. O repórter até fez um enorme esforço para ver se ele fazia isso…..mas não obteve sucesso.
    É evidente que não se pode aniquilar o Ney. Mas seria bom que ele se limitasse a falar sobre aquilo que realmente entende, ou que buscasse um melhor entendimento sobre as coisas de sua terra.
    Quando, por insistência do repórter, ele admite que:
    – pessoas que estavam abaixo da linha de pobreza, agora são pobres;
    – que muitos não comiam e agora comem algo;
    – que essas pessoas agora reinvindicam melhores serviços e direitos;
    – que a corrupção com o PT no poder é mais evidente…
    Está dizendo o que?
    Na verdade ele não entendeu ainda.
    Isso demonstra seu nível de alienação à evolução que de fato ocorreu.
    Também credito isso à indignação que está presente em todos nós – por não ter a solução de problemas antigos.
    O que é inegável, mesmo com todo o conjunto de problemas existentes, é que o Brasil está melhor. E isso se deve à implementação de muitas das propostas da esquerda.
    Infelizmente, nem tudo que o país precisa foi implementado. Falta muito.
    O certo é que não serão os filhotes de FHC que levarão propostas sociais à frente.

  72. Quando nos deixarmos de considerarmos artistas, especialmente músicos, como grandes intelectuais, daremos um passo enorme em direçao ao progresso. Nao conheço outro pais onde musico tem status de intelectual, vide a repercussao das opinioes de Caetano Veloso, Chico Buarque, e pasme, Lobao!

    • Como se as opiniões expressadas dos três tivessem o mesmo nível. Independente da ideologia , não tem comparação entre o que diz Chico Buarque e o lobão, não acha?

      • Não acho, Denis. São três cantores populares, pura e simplesmente. Triste é a gente precisar de cantor pop como farol de nossas próprias opiniões políticas.

  73. Tirando a opinião dele sobre o bolsa família, concordo com todas as opiniões que ele expressou. Falo apenas pelo Rio de Janeiro, minha cidade, mas posso afirmar que estamos vivendo em meio ao caos. Saúde pública na lama, educação pública na lama, policiais assassinos e despreparados, transporte público decadente, assaltos crescentes, um número absurdo de assassinatos, total descaso com usuários de crack, que já virou uma epidemia no Rio de Janeiro. Enfim, tudo que se faz hoje na cidade visa agradar os turistas e a Fifa. Como esperar uma sociedade feliz diante de um quadro como esse?

    • Nossa, que quadro apocalíptico, Claudio!

      Você acha então que o Brasil então vai passar uma grande vergonha na Copa, nos jogos que acontecerem no Rio?…

      Obrigado pelas opiniões!

      • Não sei se passará vergonha, mas certamente esta não será a Copa empolgante que a Fifa, o governo e a população esperava quando ela foi confirmada no Brasil. O carioca anda muito P da vida para celebrar um campeonato de futebol.

        • “Certamente” segundo quem, Claudio? Certamente na opinião de quem, para quem, por quê?

          De onde surgem os sensos comuns que a gente reproduz como se fossem verdades absolutas?

  74. Direção da RTP. Prezados.

    Mandei um comentário, em 13/05/14, ontem, sobre o tema acima, a entrevista com Ney Matogrosso.Desejo que me informem se e onde foi publicado meu comentário. grato pedro silva lima

    • Pedro, só pode ter sido publicado no tópico onde você publicou, nem teríamos como fazer diferente… Você tem certeza que enviou?

  75. é isso ai ney.lula é o ser mais oportunista surgido na história desse país.ultimamente tem-se comparado a jesus cristo.mas não conhece nem a história real do seu próprio povo.a não ser aqueles detalhes sórdidos que copiou vulgarmente.cade a revisão dos contratos.cade a taxação das grandes fortunas.cade a coragem e vergonha na cara para morrer pelo menos pelo de seu narcisismo doentio.quando é que ele se responsabilizara por algo mínimo que errou.reconhecer isso.e é por isso mesmo:por não ter dado ao seu povo o que ele nunca pode se dar:senso de responsabilidade.tornou seu povo mais imaturo mais frágil.mais vulneravel.menos importante que ele.

  76. Porque esse conceito, agora obsessão nacional, de “passar vergonha” na copa? Vergonha do que? Porque importa tanto a imagem do Brasil “no exterior”? Os estrangeiros vao deixar de comprar nossa soja e nossos minerios se a nossa saude publica for um lixo? Alguem deixa de consumir petroleo arabe sabendo que as mulheres por la sequer podem guiar um automovel? Para as elites nacionais, que sustentam nosso modo de vida vendendo commodities, nada mudara: jamais! Continuaremos nao precisando de um povo esclarecido para exportar materia bruta.

    O estrangeiro imaginado pelo brasileiro eh um ser extra-planetario superior, dotado de educaçao inteligencia e beleza superiores, um arquetipo do colonizador europeu fetichizado na sua forma “escandinava”. Africanos, “cucarachos” e asiaticos nao existem nesse imaginario, nao sao “gringos”. Onde eu quero chegar: parece que a grande preocupaçao de parte da sociedade brasileira eh mostrar ao que imaginam ser o colonizador, que conseguimos sim criar uma europa nos tropicos, como se esse gringo se importasse, como se fossemos relevantes. Essa mentalidade eh ridicula! O gringo arquetipico que ocupa a fantasia do brasileiro temeroso de passar “vergonha”, alem de nao se importar com “o Brasil”, nao se importa, e continuara nao se importando. Vai continuar consumindo soja e minerio de ferro brasileiros, nada mudara, nossa forma de vida continuara A MESMA!

    O Brasil nao pode melhorar para “nao passar vergonha” frente ao colonizador visitante. O Brasil precisa melhorar, ter saude, educaçao, eliminar racismo e atrocidades malditas da nossa terra, e das terras deles tambem, para o bem dos brasileiros, para que criemos um lugar onde quem aqui nasce possa viver um vida decente. E que se dane o que pensarao os gringos, as possiveis vergonhas, etc. Nao vai acabar tudo depois “da Copa”, os doentes dos hospitais publicos continuarao nos corredores enquanto os medicos sonham com empregos em hospitais particulares. As escolas continuarao um lixo, com ou sem copa.

    E o Ney…bom, deixe os miseraveis morrerem de fome neh? Melhor…afinal, para que servem miseraveis se nem de fome eles morrem mais?

    • Botou pra quebrar, Paulo!

      O tipo de brasileiro – prefiro dizer braZileiro – que tem esse tipo de complexo de vira-latas que você descreve é o braZileiro que gosta de ter patrão, que se escraviza docilmente pelos gringos que só ~precisam~ da gente pra nos roubar, espoliar e dilapidar.

  77. Nunca pensei que um dia tivesse a vontade de ir embora do meu país, mas hoje é o meu sentimento, sair desse país que mais parece um “covil”. Como bem disse um leitor acima, para dar jeito no Brasil, somente Deus. 🙁

  78. Prezados,

    Apresento o documento “Ney Matogrsso de seu pedestal, apenas e tão somente, delira”, http://pt.scribd.com/doc/224263225/Ney-Matogrsso-de-Seu-Pedestal-Ap… , onde estamos emitindo considerações empíricas, sobre as declarações efetuadas pelo cantor brasileiro, Ney Matogrosso, em uma entrevista para a emissora de televisão de Portugal RTP, http://www.pbagora.com.br/conteudo.php?id=20140512144845&cat=br… .

    Abraços,

    Plinio Marcos

  79. Ainda a respeito da polêmica gerada em torno da entrevista de Ney Matogrosso à RTP TV de Portugal, um tal Francisco Costa, supostamente do Rio de Janeiro, escreveu em 12/05/14 um texto intitulado “Ney não é Mal Informado, é Mal Caráter”! Então agora, quem discorda do discurso oficial só pode ser encaixado em duas categorias: ou é ignorante, ou é mal caráter?! Ah, foi colocada um terceira “opção”, “menos preconceituosa”: demência! O curioso é que a argumentação desenvolvida por este defensor do governo de plantão, contra a fala de Ney Matogrosso, pode ser revertida contra o próprio grupo que este advogado de defesa representa! Primeiro, a argumentação econômica (que, diga-se de passagem, nem foi colocada na entrevista): conforme eu já disse em outro lugar, perseguir o crescimento econômico e o aumento da “empregabilidade” é a meta DE TODOS OS PARTIDOS POLÍTICOS. Lembremos que Fernando Collor – que, diga-se de passagem, é o grande aliado do PT nas Alagoas – perseguiu, com sucesso, a meta da abertura da economia às empresas estrangeiras – coisa que o PT está fazendo com a Petrobrás e a Copa, entre outras; bem como lembremos também que F.H.C. – que, diga-se de passagem, tem feito elogios a algumas políticas do PT – perseguiu, com sucesso, a meta da estabilização da inflação. Isso apenas demonstra que, no fundo, o verniz ideológico que encobre os partidos nada mais é do que isto mesmo: uma capa superficial que vela o núcleo da real função que todos desempenham para o sistema hoje: a manutenção e o incremento da produção e do consumo em massa, aliada à geração de mão de obra semiqualificada e subserviente, como forma de potencializar os lucros dos grandes “tubarões” da economia, perpetuando o processo de exaustão e colapso do meio ambiente, promovido pela roda do consumismo assim alimentada! Depois, o advogado em causa diz que Ney Matogrosso “falou da saúde, generalizando, federalizando, quando saúde é problema de estados e municípios, (falou) da segurança, quando idem”… Ora, se “saúde é problema de Estados e Municípios”, então, porque a presidente, em sua última campanha eleitoral, assumiu como um dos compromissos do seu (então) futuro governo a resolução dos problemas da saúde pública no Brasil…?! Terá sido por “ignorância”, ou por “mal caratismo”?! Ah: como a presidente é praticamente da mesma geração de Ney Matogrosso, então, vale conceder a ela, também, a terceira opção, “menos preconceituosa”… Ainda, se segurança também é problema de Estados e Municípios, então, porque o Ministro da Justiça – José Eduardo Cardozo -, durante os protestos de Junho de 2013, ofereceu forças federais para o governador de São Paulo – Geraldo Alckmin, PSDB – combater os manifestantes?! E, porque, também, o Exército foi autorizado pelo Ministério da Justiça para, durante a Copa, combater manifestantes nas ruas como sendo “inimigos domésticos”?! Será que TODO O GOVERNO FEDERAL é ignorante com relação aos limites constitucionais impingidos à atuação das forças federais, ou será que TODA A EQUIPE DO GOVERNO é mal caráter ao ponto de extrapolar, desabusadamente, os limites estabelecidos pela constituição?! AH, sim, como a maioria dos integrantes da equipe em questão já estão entrando na “terceira idade”, então, cabe cogitar para eles também, a terceira opção “menos preconceituosa”… Culminando por “dar uma contraporrada” na crítica de Ney aos gastos com a Copa, o nobilíssimo advogado em questão contraargumenta que “qualquer criança sabe que o dinheiro da Copa não saiu do orçamento para a saúde e a educação, mas do BNDES, por empréstimos aos estados e à iniciativa privada.” Será que o advogado falou isto por “ignorância”, ou por “problema de caráter” (não posso conceder a ele a opção “menos preconceituosa” porque não sei a sua idade)? Sim, porque, “qualquer criança sabe que” o BNDES é um banco DO GOVERNO e que, obviamente, seus recursos são oriundos do dinheiro público, sendo que, inclusive, os empréstimos feitos para as empresas privadas realizarem as obras da Copa representam, no fundo, uma verdadeira transferência de dinheiro público para o setor privado visto que, os prazos e condições de pagamento aí acertados enquadram-se na famosa expressão “a perder de vista”… Enfim, o defensor em pauta conclui dizendo que compreendeu que Ney Matogrosso não é ignorante, nem está demente, mas sim, que “só demorou a mostrar quem é”, um “mal caráter”, que teria se vendido às elites por ter feito contratos com a Rede Globo e com a empresa Natura (que estaria sendo cobrada judicialmente por sonegação de impostos e que financia a campanha Eduardo Campos/Marina Silva)… Ora, ora: se fazer contratos de trabalho com grandes grupos econômicos é um índice inquestionável de mau caratismo, o que dizer então de acordos políticos (onde, com certeza, os valores em jogo são MUITO MAIORES)? Compreendeu, ou quer que eu desenhe, nobre “rábula”? Então, vamos lá: Quem foi o vice-presidente de Lula? Resposta: José de Alencar (Partido Liberal), proprietário de uma das maiores indústrias têxteis do país, a COTEMINAS, que, por coincidência ou não, era fornecedora exclusiva dos fardamentos militares durante a última ditadura civil/militar do Brasil! Quem é o vice-presidente de Dilma Rousseff? Resposta: Michel Temer (PMDB), que, como todos sabem, é um integrante proeminente das altas elites econômicas/políticas do Brasil. Quanto à Rede Globo, apesar de todo o “nhem,nhem,nhem” dos grupos ligados ao governo, contra esta empresa, vale lembrar que uma das maiores “habilidades” demonstradas ao longo do tempo pelas organizações Roberto Marinho (como de resto por todo bom “negociante” e todo bom “político eleitoreiro”), é a habilidade de ser oportunista e saber auferir lucros “de qualquer lado”, mudando de lado ao sabor da maré… Uma vez mais, vou “desenhar”: qual é a empresa de televisão que deu visibilidade, recentemente, à situação de descaso com a segurança pública (“diagnosticada” por uma equipe jornalística) configurada durante o governo do DEM, no estado do RN? E, se o DEM se desgasta com essas denúncias, qual o partido que teria mais chances de “capitalizar” a possível migração do eleitorado, oriunda desse desgaste? Resposta: provavelmente, o PMDB! E, Qual é o principal partido da base aliada do governo federal? E ainda mais: me pergunto, até hoje: porque a Rede Globo nunca fez uma série de matérias sobre os crimes que estão sendo cometidos na Região do Rio Xingu, pelas grandes empreiteiras do consórcio aprovado pelo governo para construir a Hidrelétrica de Belo Monte…?! Ah, já me cansei de desenhar!! Concluo, então, dizendo que o texto em questão é apenas mais uma “gota d’água” no caminhão pipa que nos lava os olhos para aclarar a visão de que, se para os membros da torcida organizada do governo de plantão, quem discorda do discurso oficial só pode ser ignorante, mal caráter, demente (se estiver na “terceira idade”), ou até “coxinha” (termo que remete a um preconceito com pessoas com problemas físicos, coisa contraditória para grupos que se dizem “a favor das minorias”), e – conforme penso ter demonstrado -, visto que os próprios “vícios” que apontam nos grupos partidários opositores podem ser encontrados também no grupo que defendem fanaticamente – e que, por isto, eles “não enxergam” tais “vícios” -, seguindo esta linha de desqualificação de quem pensa diferente, só restaria classificar a referida torcida – por falta de outro adjetivo pouco nobre, pois eles já mobilizaram a maioria destes contra os seus discordantes -, só restaria classificá-los como… ESTÚPIDOS (no sentido de grosseiros mesmo, tanto em compreensão, quanto na prática do debate público)!

  80. MAIS AINDA SOBRE A POLÊMICA GERADA PELA ENTREVISTA DE NEY MATOGROSSO:
    Segundo se diz, Ney Matogrosso teria recebido uma carta de um baterista brasileiro, chamado Teo Lima (supostamente, um dos maiores bateristas do Brasil: sempre me surpreendo com esses títulos, pois, num país com essa dimensão, será possível conhecer todos os bateristas para poder avaliar assim?!), cujo conteúdo segue a seguinte linha de raciocínio: “Há uma verdadeira campanha contra o Brasil na mídia alemã e europeia, que atinge jornais, revistas, rádio e TV. Há campanhas sistemáticas na internet. Parte da campanha a mais ideológica, é contra o governo Dilma, contra Lula e o PT. Parte dela é contra o Brasil mesmo, o país em que nada funciona, tudo é precário, campeão da corrupção, da violência, homofóbico, cujo governo não tem preocupação pelo meio ambiente, país apenas da miséria e pobreza, favelas e cortiços, país que é um fracasso de qualquer ponto de vista que se olhe, até do futebol… É claro que para o lado mais politizado da campanha – que não precisa de conspiração, bastando apenas orquestração – qualquer referência ao Brasil de hoje, incluindo a Copa, tem na verdade por alvo o Brasil de Outubro, para ajudar a desacreditar o governo de Dilma Rousseff e favorecer a oposição, seja ela qual for…” No debate na internet – com alguns músicos, claro – em que essa notícia foi veiculada, chegou-se a fazer alusão ao passado recente das ditaduras de direita na América Latina! Então, respondi: Essa conversa de acenar com o espantalho das ditaduras clássicas para colocar medo e afirmar que a melhor saída é esse sistema que aí está, está completamente defasada! O que verificamos, na verdade, é que estas tais democracias representativas nada mais são do que “DEMOCRADURAS”: democracias apenas formais e “ritualísticas” – onde os cidadãos exercitam os rituais formais de votar de tempos em tempos e depois são alienados de qualquer poder de determinação sobre os “negócios públicos”. Isso não passa de uma estratégia mais sofisticada dos grupos dominantes – mais sofisticada em relação à adoção de ditaduras clássicas porque nestas o autoritarismo é evidente, enquanto nas “democraduras”, nem tanto -, para manter os povos na ilusão de que têm algum poder de decisão, quando, na prática, este poder está concentrado nas mãos de pequenos grupos de interesse (geralmente, redes de interesses de grandes grupos econômicos e políticos partidários). Não é “por acaso” que uma pesquisa recente realizada pela organização “Transparência Internacional”, cujos resultados foram divulgados em Julho de 2013, verificou que, em boa parte dos países “democráticos”, desde a Europa até às Américas, há uma tendência crescente por parte das populações a não acreditar mais nos poderes públicos (judiciário, polícias, legislativos, executivos, sistemas de saúde), por compreenderem que todas estas instituições “democráticas” servem apenas a interesses de grupos “específicos” (podemos dizer também, “especiais”)! Não é “por acaso”, também, que a maioria dos movimentos de protestos que vem tomando vários países, no mundo inteiro (num novo ciclo internacional de lutas anticapitalistas que se abriu neste momento histórico), vem assumindo a proposta e a forma organizativa da democracia direta! Não é “por acaso”, ainda, que a curva que registra o comportamento dos eleitores em boa parte dos países “democráticos”, registra uma tendência ao crescimento dos índices de abstenção, bem como de votos nulos e/ou em branco (inclusive no Brasil)! Portanto, verifica-se uma tendência ao crescimento da percepção de que, no fundo (digamos, no essencial), não existem muitas diferenças entre eleger partido A, B ou C, visto que todos jogam o jogo da manutenção deste sistema que alija as pessoas do seu real poder de decisão, além de coincidirem – no essencial, volto a dizer – na adoção de agendas políticas e econômicas de interesse dos grandes grupos econômicos, o que, em geral, é antagônico aos interesses dos “de baixo”: vide, no Brasil, a expulsão de comunidades pobres dos entornos dos lugares onde serão construídos estádios para a Copa, a expulsão de comunidades tradicionais do Rio Xingu e a agressão ao meio ambiente promovidas pelo projeto de construção da Usina de Belo Monte, o projeto de privatização dos hospitais universitários, a Lei Antiterrorismo que criminaliza os protestos sociais, etc.! Então, nada do que está sendo dito no exterior, sobre a gravidade da situação por que passam os mais pobres no Brasil, bem como sobre o crescimento dos “descontentamentos” com a política eleitoral em geral, é “invenção”! Só discorda deste quadro, quem enxerga a realidade apenas através dos discursos e dos dados estatísticos oficiais (aliás, estatística é a ciência segundo a qual, se eu e você temos dois pedaços de bolo, e você come os dois, os dados demonstram que somos dois comedores de bolo)! Só discorda deste quadro, quem vive na flauta ou na batucada, seguindo a melodia hipnótica dos mantras oficiais! Quem vive nas favelas “pacificadas” (como a da Maré, de onde milhares de moradores foram expulsos pelo projeto de gentrificação atrelado à “pacificação”), quem vive na Região do Xingu (onde as pessoas que se negam a sair veem suas casas serem incendiadas, suas lideranças serem violentadas e suas jovens serem aliciadas para a prostituição), quem vive em áreas indígenas (como era a da Aldeia Maracanã – destruída em benefício do “Padrão FIFA” e como as terras dos Guaranis Kaiwoás), quem vive entre os sem terras (o número de desapropriações de terras caiu substancialmente na última década), quem vive entre os sem teto (o número de pessoas jogadas às ruas cresceu vertiginosamente com as desapropriações para a Copa), enfim, quem vive e enxerga para além de algumas cotas e pequenos percentuais de “assistidos” pelas bolsas simbólicas, sabe que a melodia vendida pelo governo no exterior – não apenas com sopro, cordas e batucada, mas também com futebol e exploração da imagem dos corpos de mulheres brasileiras – é um produto “falseado” e que a informação “padrão crítica” – em contraposição à “padrão FIFA” -, vem daqueles que não vivem embriagados pela música dos programas e discursos oficiais (para não falar da “acomodação” com seus salários de pequenos empregados e financiamentos via editais)! Falou-se em Eric Hobsbawm e o não esquecimento da história: ora, esse historiador comprometido com uma visão parcial de um determinado projeto político, é a última pessoa que pode condenar a deslealdade intelectual do “apagamento de histórias”, pois, ele mesmo, afirma que o anarquismo desapareceu do mundo com o fim da Revolução Espanhola e, pelo contrário, conforme eu já aludi acima, o que se verifica no mundo hoje é, claramente, uma tendência ao crescimento da adesão às críticas e às formas de luta tradicionalmente encarnadas pelos anarquistas: a descrença quanto à democracia representativa e o apoio às propostas e práticas de democracia direta! Vide o mais popular slogan das Revoltas argentinas em 2001: “Que se Vayam Todos!” (“Fora Todos os Políticos!”) e o da Revolta dos Indignados na Espanha, em 2011 (“Democracia Real Já”, uma alusão à democracia direta), entre outros. Trarei para o debate, Max Stirner: Não existe nada mais limitado do que um pretenso crítico movido pelas ideias e discursos difundidos em escolas oficiais – inclusive, as escolas dos partidos! E, para arrematar, manterei elevado o nível das referências, lembrando Hegel: Não adianta querer “salvar” qualquer partido que seja, quando “O Espírito do Tempo” (Zeitgeist) aponta para o arruinamento desta forma moderna de manipulação e dominação!!

  81. Durante a Copa que aconteceu no Brasil nos anos setenta, se ouvia em todo lugar: “Esse é um país que vai pra frente, ô, ô, ô, ô, ô…”: pra quem não conhece a história política recente do Brasil, este era um dos mantras da última ditadura civil/militar, que – semelhante ao programa de todo e qualquer desses partidos que concorrem com chances às próximas eleições – adotou um projeto desenvolvimentista do capitalismo, promovendo uma expansão universitária acelerada e deixando de lado a melhoria dos sistemas de ensino básico (pra formar mão de obra qualificada e barata), promovendo a expansão da indústria automobilística (para aumentar os lucros dos grandes fabricantes, independentemente dos problemas de saúde e ambientais oriundos da queima de combustíveis fósseis) e… Não trouxe médicos cubanos, mas trouxe médicos dos U.S.A (já ouviram falar do “Projeto Hope”?)… Mas, afinal, o que importa a nacionalidade dos médicos, se todos promovem a mesma indústria farmacêutica vampiresca que – como aqueles que estão melhor informados sabem -, “cura por um lado e mata pelo outro”?! E, de que vale medicar se se continua dando suporte a um modo de vida (o produtivismo e o consumismo) que aliena, “estressa” e colapsa mais e mais, tanto os sistemas imunológicos das pessoas, individualmente, como o sistema de equilibração ecológica do planeta, globalmente…?! Como vemos, não é apenas no “conluio” com os megaempreendedores da FIFA – que se beneficiam do dinheiro público para lucrarem com a hipnose “futebolística” – que podemos apontar “coincidências” entre o período da última ditadura e o momento que vivemos (e nem tratamos aqui do uso das polícias para calar os divergentes). Parece que, além de tudo, também a “lobotomização” patriótica ainda é uma estratégia muito adotada e eficaz para colocar viseiras e puxar os arreios dos rebanhos bem “tosqueados” de alegres e opiniosos cidadãos produtores a baixo custo (mão de obra barata) e consumistas de bugingangas descartáveis que entulham o planeta de lixo material e mental (afinal, “esse é um país que vai pra frente” e “nunca antes na história desses país”, se viu tantas megaobras, por um lado – e tanta carência de visão crítica, pelo outro!)!

  82. Caso eu venha a escrever um livro sobre o debate político desencadeado nas redes sociais pela polêmica entrevista de Ney Matogrosso, já tenho um título: “UMA VEZ FLAMENGO, SEMPRE FLAMENGO: O FENÔMENO DA DOMINÂNCIA DA MENTALIDADE DE TORCIDA ORGANIZADA NO DEBATE POLÍTICO DE SENSO COMUM NO BRASIL”!

  83. A polícia brasileira é o retrato dos políticos que a comandam: Corruptos
    A verdade sempre dói para àqueles que devem, FORA SARNEY, FORA RENAN, FORA PT e TODOS OS PARTIDOS POLÍTICOS QUE JÁ GOVERNARAM ESSE PAÍS….
    É sempre a mesma palhaçada

  84. A coisa vai esquentar quando nos jogos da copa o povo gritar dentro e fora dos estádios: ÃO ÃO ÃO SAÚDE E EDUCAÇÃO; ANÇA ANÇA ANÇA TRANSPORTE E SEGURANÇA; FORA PT FORA RENAN FORA SARNEY XÔ CORRUPÇÃO
    Agora é a hora do povo aproveitar as câmeras do mundo inteiro voltadas para este evento e protestar com veemência contra toda essa bandalheira toda que governa esse país a 514 anos e só a população padece…

  85. É triste ver um artista de renome internacional com uma visão tão curta do processo político brasileiro . Ele nunca precisou de dez reais para comprar o mínimo para que seus filhos não passem o dia de estômago vazio, mas para muitas famílias esse dinheiro fará diferença. Corrupção, infelizmente há em toda nossa classe política. Esperei um dia que o PT fosse ser diferente e me enganei, mas mesmo assim, o que ocorreu no governo Lula e ocorre no de Dilma é muito para quem sempre viveu na miséria.

  86. Pedro G. Kosinski você diz que o Ney Matogrosso tem visão curta e escreve essas asneiras. Fala sério né ! Tá de brincadeira hein irmão

  87. é uma vergonha! que vergonha que tive desses comentários… acho que o repórter se arrependeu de perguntar a visão política desse artista! ele constatou no início da conversa que o Ney Matogrosso não tem visão política nenhuma.

  88. AS PESSOAS ESTÃO MUITO MAL INFORMADAS.
    Sugiro que procurem alguns dados dos últimos 20 anos ou mais – taxa de pobreza; taxa de analfabetismo; inflação; crescimento do país – PIB; dívida pública líquida ( ou seja, em relação ao PIB, que é o que importa); dívida externa pública e privada; orçamento anual da saúde; orçamento anual da educação; câmbio; taxa de desemprego; quantidade de empregos gerados; e mais, que não me lembro agora. Tudo isso traça um panorama da realidade econômica e social que tem se desenhado no país nesses últimos anos. Uma sugestão, verificar bem o ano de 2002, que foi o último ano de FHC e foi como o PT pegou o poder e ver como ficou e continuou.
    Vamos parar de emitir opiniões e repetir o que ouvimos, por que não adianta nada e ver dados reais. A real situação, melhora ou piora do país.
    Depois, com esses dados em mãos podemos falar, criticar, analisar… Senão estamos entrando no terreno do “achômetro”. E aí, qualquer um que entre nisso perde a razão.

  89. Muito feio e indecorosa essa atitude do Ney. Eu gostava e gosto do “Secos e Molhados” mas nunca gostei dele e agora menos ainda. Ele não sabe nada de bolsa família e nem o que pode ser uma pessoa vivendo na mais absoluta pobreza. Quando eu digo que estou com fome é que na verdade eu não sei na prática o que é verdadeiramente ter fome. Eu recorro prontamente a um prato de comida. Mas o nosso Brasil tem discrepâncias sociais que nossa imaginação não consegue visualizar. A fome no nosso país não tinha que dar nome a um beco, como bem o disse Carlos Drummond de Andrade, a fome no nosso país tinha que dar nome a um oceano.

  90. NEY É UM MENTIROSO; E MALDOSAMENTE MAL INFORMADO. NÃO FALA POR NÓS, BRASILEIROS. NUNCA VI TANTA BOBAGEM DE UM CARA QUE PARECE DESORIENTADO EMOCIONALMENTE.

DEIXE UMA RESPOTA

Por favor, registre seu comentário
Por favor, entre seu nome